Livros cristãos gratuitos para estudos bíblicos sobre salvação, o Espírito Santo, o Tabernáculo e o Apocalipse de João

HOME  |  MAPA DO SITE  |  CONTATO  |  AJUDA    
Estudos da Bíblia Livros Cristãos
Grátis
e-livros Cristãos
Grátis
Sobre Nós
 



 FAQ para a Fé Cristã

 

  • Pode dar me uma explicação de crença no Evangelho da água e do Espírito?
  • Se tivéssemos perdido uma agulha em algum lugar fora de casa, provavelmente procuraríamos por ela no lugar onde a perdemos. Todavia, seria absolutamente absurdo tentar achá-la dentro de casa simplesmente porque o interior da casa está mais claro. Na igreja de hoje eu encontro pessoas absurdas como essas. Embora elas estejam no meio de controvérsias bíblicas incompletas quanto ao nosso batismo da água e a razão pela qual Jesus foi batizado por João Batista, eles nunca fazem a si mesmos tais importantes perguntas. Por causa deste comportamento, acontece de haver muitas denominações que se subdividiram na religião.

    A fim de dar um ponto final a tais incessantes controvérsias, devemos sair dessa comunidade caótica e voltar para o lugar onde perdemos nossa agulha. Se continuarmos procurando a verdade, deveríamos eliminar nossas idéias estereotipadas, porque não podemos achar a agulha em nenhuma dessas comunidades.

    Por que os apóstolos deram tanta ênfase ao batismo de Jesus Cristo? É um segredo da verdade do evangelho da água e do Espírito que eles receberam de Jesus e pregaram-no no mundo inteiro. Jesus disse: "Em verdade, em verdade, te digo: Quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus" (João 3:5).

    A Bíblia nos diz que Jesus veio por meio da água e do sangue para salvar-nos de todos os nossos pecados (1 João 5:6). O sangue significa a Cruz. Então, o que significa a água? Por que Jesus foi batizado por João Batista? Por que Ele proclamou no Seu batismo: "Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça?" (Mateus 3:15).

    Eu gostaria de entender o evangelho da água e do Espírito e o batismo de Jesus. Aqui há algumas explicações breves sobre o evangelho da água e do Espírito que Ele deu aos Seus discípulos. Os apóstolos deram a maior ênfase ao batismo de Jesus quando eles pregaram o evangelho. O Apóstolo Paulo disse: "Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras" (1 Coríntios 15:3-4). O que significam aqui as "Escrituras", quando se diz que "Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as Escrituras?" As 'Escrituras' significam aqui o Antigo Testamento. Ele morreu por nós de acordo com a revelação e a promessa no Antigo Testamento.

    Em Hebreus 10:1 está escrito: "Visto que a lei tem sombra dos bens vindouros, ..." Vamos ver algumas das leis tradicionais referentes às ofertas de sacrifícios em Levítico 1:3-5. Um pecador tem que satisfazer três condições da oferta do holocausto para a expiação de seus pecados:

    1) Ele trouxe uma oferta sem defeito (Levítico1:3).
    2) Ele impôs suas mãos sobre a cabeça da oferta (Levítico 1:4).
    Aqui, devemos deixar clara a lei de Deus: pôr as mãos sobre a cabeça da oferta era para passar seus pecados para a oferta.
    3) Ele a matou para expiar seus pecados (Levítico 1:5).

    No Dia da Expiação, Arão pôs ambas as suas mãos sobre a cabeça do bode vivo e confessou sobre este todas as iniqüidades e transgressões dos filhos de Israel, relatando assim todos os pecados deles e passando-os para a cabeça do bode (Levíticos 16:21). Nessa época, Arão era o representante de Israel. Ele próprio impôs suas mãos sobre a cabeça do bode e transferiu a este todos os pecados anuais do povo de Israel (cerca de 2~3 milhões de pessoas). O sacrifício do Antigo Testamento é a sombra dos bens vindouros. Jesus ofereceu-se pela vontade de Deus para santificar-nos conforme as Escrituras.

    Primeiro, Jesus foi formado na semelhança do homem, como o Cordeiro de Deus sem defeito. Ele é Filho amado de Deus e existe na forma de Deus. Assim, Ele é apropriado como oferta pelo pecado por toda a humanidade.

    Segundo, Jesus foi batizado por João Batista no rio Jordão. O batismo é dado na forma de "imposição das mãos" e João Batista é descendente de Arão. Quando João Batista impôs suas mãos sobre a cabeça de Jesus Cristo, todos os pecados do mundo foram passados para Ele de acordo com a lei do Senhor. Jesus disse a João: "Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça" e João batizou Jesus. Finalmente, nós passamos todos os nossos pecados para Ele. No dia seguinte João Batista batizou Jesus e exclamou: "Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!" (João 1:29).

    Terceiro, Jesus morreu na Cruz pela remissão de todos os nossos pecados, dizendo: "Está consumado!" (João 19:30) e ressuscitou dos mortos para fazer-nos justos diante de Deus. Lembra uma oferta pelo pecado que foi oferecida como perdão dos pecados. O pecador tinha de impor suas mãos sobre a cabeça da oferta antes de matá-la. Se ele esquecesse disso, não podia ser redimido devido à sua prática de transgressão da lei de Deus. Se um cristão não tem nenhuma idéia do que o Seu batismo siginifica, ele ainda deve ter pecados no seu coração e não pode ser salvo meramente pela sua fé.

    A maioria dos cristãos conhece apenas a metade do ministério de Jesus. O apóstolo João deixa claro o evangelho na primeira carta, dizendo: "Este é aquele que veio por meio da água e do sangue, Jesus Cristo; não somente com água, mas também com a água e com o sangue. E o Espírito é a verdade" (1 João 5:6). Há várias frases na Bíblia que provam como é essencial o batismo de Jesus que por sua vez, consiste no Seu ato de justiça para nossa salvação. Todos os cristãos devem voltar para o evangelho da água e do Espírito.

    Voltar para a Lista


    Versão para impressão   |  

     
    Bible studies
        Sermões
        A declaração de fé
        O que é o evangelho?
        Termos Bíblicos
        FAQ para a Fé Cristã

       
    Copyright © 2001 - 2017 The New Life Mission. ALL RIGHTS reserved.