Livros cristãos gratuitos para estudos bíblicos sobre salvação, o Espírito Santo, o Tabernáculo e o Apocalipse de João

HOME  |  MAPA DO SITE  |  CONTATO  |  AJUDA    
Estudos da Bíblia Livros Cristãos
Grátis
e-livros Cristãos
Grátis
Sobre Nós
 



 Os sermões em assuntos importantes por Rev. Paul C. Jong

 

O Início das Pragas das Sete Taças


< Apocalipse 16:1-21 >

“Ouvi, vinda do santuário, uma grande voz, dizendo aos sete anjos: Ide e derramai pela terra as sete taças da cólera de Deus. Saiu, pois, o primeiro anjo e derramou a sua taça pela terra, e, aos homens portadores da marca da besta e adoradores da sua imagem, sobrevieram úlceras malignas e perniciosas. Derramou o segundo a sua taça no mar, e este se tornou em sangue como de morto, e morreu todo ser vivente que havia no mar. Derramou o terceiro a sua taça nos rios e nas fontes das águas, e se tornaram em sangue. Então, ouvi o anjo das águas dizendo:

Tu és justo,

tu que és e que eras, o Santo,

pois julgaste estas coisas;

porquanto derramaram sangue de santos

 e de profetas, também sangue lhes tens dado a beber;

são dignos disso.

Ouvi do altar que se dizia: Certamente, ó Senhor Deus, Todo-Poderoso, verdadeiros e justos são os teus juízos. O quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe dado queimar os homens com fogo. Com efeito, os homens se queimaram com o intenso calor, e blasfemaram o nome de Deus, que tem autoridade sobre estes flagelos, e nem se arrependeram para lhe darem glória. Derramou o quinto a sua taça sobre o trono da besta, cujo reino se tornou em trevas, e os homens remordiam a língua por causa da dor que sentiam e blasfemaram o Deus do céu por causa das angústias e das úlceras que sofriam; e não se arrependeram de suas obras. Derramou o sexto a sua taça sobre o grande rio Eufrates, cujas águas secaram, para que se preparasse o caminho dos reis que vêm do lado do nascimento do sol. Então, vi sair da boca do dragão, da boca da besta e da boca do falso profeta três espíritos imundos semelhantes a rãs; porque eles são espíritos de demônios, operadores de sinais, e se dirigem aos reis do mundo inteiro com o fim de ajuntá-los para a peleja do grande Dia do Deus Todo-Poderoso. (Eis que venho como vem o ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se veja a sua vergonha.) Então, os ajuntaram no lugar que em hebraico se chama Armagedom. Então, derramou o sétimo anjo a sua taça pelo ar, e saiu grande voz do santuário, do lado do trono, dizendo: Feito está! E sobrevieram relâmpagos, vozes e trovões, e ocorreu grande terremoto, como nunca houve igual desde que há gente sobre a terra; tal foi o terremoto, forte e grande. E a grande cidade se dividiu em três partes, e caíram as cidades das nações. E lembrou-se Deus da grande Babilônia para dar-lhe o cálice do vinho do furor da sua ira. Todas as ilhas fugiram, e os montes não foram achados; também desabou do céu sobre os homens grande saraivada, com pedras que pesavam cerca de um talento; e, por causa do flagelo da chuva de pedras, os homens blasfemaram de Deus, porquanto o seu flagelo era sobremodo grande.”



Exegese

Versículo 1: Ouvi, vinda do santuário, uma grande voz, dizendo aos sete anjos: Ide e derramai pela terra as sete taças da cólera de Deus.

Com as pragas da sete taças da ira, Deus trará Sua ira sobre os servos do Anticristo e seu povo que ainda estiver vivendo nesta terra. Todas as criaturas e homens serão varridos pela tempestade da ira de Deus, explodindo depois de muitos anos da Sua paciência, e sofrerão com as grandes pragas que devastarão todos os lugares durante os anos remanescentes da Grande Tribulação. Neste tempo, este mundo será reduzido a cinzas, esmagado em pedaços e destruído em esquecimento.

Apocalipse 16 é o capítulo onde as pragas das sete taças são derramadas. Aqueles que, até este momento final, não conheceram nem creram no evangelho que testifica a salvação, o qual permitiria que eles fossem arrebatados no ar pelo Senhor – ou seja, o evangelho da água e do Espírito – serão todos destruídos por estas pragas.

 

Versículo 2: Saiu, pois, o primeiro anjo e derramou a sua taça pela terra, e, aos homens portadores da marca da besta e adoradores da sua imagem, sobrevieram úlceras malignas e perniciosas.

A praga das úlceras malignas e perniciosas que Deus derramará por meio do Seu anjo descerá sobre aqueles que receberam a marca da Besta. Esta praga das úlceras é uma doença de pele incurável que apodrecerá a pele dos atingidos, cuja infecção também se espalhará pela pele de outras pessoas. Quão grande será o sofrimento quando os atingidos forem atormentados por esta praga das úlceras malignas e perniciosas até a sua morte! Mas Deus não somente derramará a praga das úlceras sobre todos aqueles que receberam a marca da Besta, mas Ele também derramará seis outras pragas sobre suas cabeças dali em diante. Assim, todos devem descobrir a forma de escapar dessas pragas no evangelho da água e do Espírito e evitar estas temíveis pragas pela crença neste evangelho agora, neste momento.

Nosso Senhor diz que Ele derramará seis outras pragas sobre aqueles que adorarem a Besta e sua imagem. Qual é o pecado que Deus mais odeia? Este pecado é fazer imagens de algo ou alguém além de Deus, endeusando-a e se rendendo a ela. Portanto, nós devemos saber exatamente quem nosso Senhor Deus e Jesus Cristo são, e crer Nele e adorar a Jesus Cristo. Nada e ninguém neste universo, além do próprio Senhor Deus, pode ser o nosso Deus.

Se você realmente quer evitar a praga das úlceras e as outras seis pragas, aprenda e creia no evangelho da água e do Espírito dados pelo Senhor. Um incontável número de pessoas que permaneceram contra Deus em sua vida diária e que se recusaram a crer no evangelho da água e do Espírito, sofrerão estas pragas até serem completamente destruídas.

 

Versículo 3: Derramou o segundo a sua taça no mar, e este se tornou em sangue como de morto, e morreu todo ser vivente que havia no mar.

A segunda praga é aquela em que o mar se torna em sangue como de morto. Deus matará todas as criaturas no mar com esta praga. A partir desta praga da segunda taça derramada por Deus, o mar será estragado e todas as suas criaturas não serão mais capazes de viver nele. Nenhum homem será capaz de comer os produtos do mar quando Deus trouxer esta segunda praga. Através desta, Deus tornará manifesto que Ele está vivo e que Ele é o Senhor de toda a vida.

Esta segunda praga é o julgamento de Deus realizado sobre todo o povo do mundo que, em vez de adorar ao Senhor Deus por Sua criação, se ajoelharam diante da imagem da Besta, a inimiga de Deus, e derramaram o sangue dos santos. Esta segunda praga também é muito apropriada. Deus nos mostra que Ele irá retirar a riqueza da natureza daqueles que não agradecem ao Senhor por todas as criaturas feitas por Ele.

 

Versículos 4-7: Derramou o terceiro a sua taça nos rios e nas fontes das águas, e se tornaram em sangue. Então, ouvi o anjo das águas dizendo: Tu és justo, tu que és o que eras, o Santo, pois julgaste estas coisas; porquanto derramaram sangue de santos e de profetas, também sangue lhes tens dado a beber; são dignos disso. Ouvi do altar que se dizia: Certamente, ó Senhor Deus, Todo-Poderoso, verdadeiros e justos são os teus juízos.

A terceira praga que tornará os rios e fontes de água em sangue é realmente uma das mais terríveis pragas. Esta praga, vindo como punição pelos pecados de todos aqueles que não creram em Deus, tornará os rios em sangue e fará com que seja impossível viver nesta terra. Deus tornará todos os rios e fontes de água desta terra em sangue. Esta praga também é o julgamento derramado sobre as pessoas do mundo como o preço e punição por elas permanecerem contra Deus, que deu a elas a água, fonte de toda vida.

A razão pela qual Deus trará esta praga sobre aqueles que permaneceram contra ele é porque eles assassinaram os Seus santos e profetas enquanto estavam nesta terra. Eles são os que não somente se recusaram a crer em Deus como Deus, mas também permaneceram contra Ele unidos com o Anticristo.

Impressionados com o poder do Anticristo, aqueles que ficaram contra o amor de Deus neste mundo perseguirão e matarão os santos amados de Deus e Seus servos. Aqueles que não crerem agora no evangelho da água e do Espírito, o qual o nosso Senhor nos deu para libertar o povo deste mundo do pecado, matarão muitos santos e profetas do fim dos tempos e derramarão o seu sangue. Deus derramará a Sua terceira praga sobre este mundo onde Seus inimigos estão vivendo, transformando a sua água, a fonte de toda a vida, em sangue e, portanto, destruindo-os.

Este é o justo julgamento de Deus, e por isso os santos no ar se regozijarão. Por quê? Porque com Seu justo julgamento derramado sobre os inimigos que mataram os santos, Deus vingará a morte dos santos. Portanto, os santos e servos de Deus não devem temer, mas em vez disso devem defender a sua fé no Senhor Deus, e olhar para a promessa de Deus e Seu poder quando enfrentarem o seu martírio.

 

Versículos 8-9: O quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe dado queimar os homens com fogo. Com efeito, os homens se queimaram com o intenso calor, e blasfemaram o nome de Deus, que tem autoridade sobre estes flagelos, e nem se arrependeram para lhe darem glória.

Quando o quarto anjo derramar a taça da quarta praga sobre o sol, as pessoas serão queimadas até a morte pelo seu intenso calor. Deus trará a praga do intenso calor do sol para aqueles que permanecerem contra Ele. Porque esta terra gira em torno do sol precisamente, se a terra fosse desviada de sua órbita e ficasse só um pouco mais perto do sol, todos os seus habitantes seriam queimados até a morte. Portanto, quando esta quarta praga for derramada, as pessoas que ainda viverem sobre a terra sofrerão com estas queimaduras.

Mas elas ainda não se arrependerão dos seus pecados de ficar contra Deus. Por quê? Porque permanecendo contra o evangelho da água e do Espírito, elas já foram destinadas à destruição. Portanto, o mais rápido possível, todos devem preparar a sua fé que pode permitir que eles escapem da ira de Deus. Esta fé é a crença no evangelho da água e do Espírito como a sua salvação. Todos devem crer na verdade da água e do Espírito.

 

Versículos 10-11: Derramou o quinto a sua taça sobre o trono da besta, cujo reino se tornou em trevas, e os homens remordiam a língua por causa da dor que sentiam e blasfemaram o Deus do céu por causa das angústias e das úlceras que sofriam; e não se arrependeram de suas obras.

A praga da quinta taça é aquela que traz escuridão e dor. Deus derramará esta taça da quinta praga sobre o trono do Anticristo e trará a praga da escuridão e da dor. A partir dessa praga, as pessoas irão remorder a língua em razão da dor e sofrimento. Deus vingará os sofrimentos dos santos sobre eles com duas vezes mais dor.

Deus fará com que eles sofram, em outras palavras, mais do que eles fizeram os santos sofrerem antes. Mas ainda assim blasfemarão a Deus e não se arrependerão, mesmo sofrendo em razão das suas úlceras. Dessa forma, eles receberão a punição eterna do inferno com fogo e enxofre.

 

Versículo 12: Derramou o sexto a sua taça sobre o grande rio Eufrates, cujas águas secaram, para que se preparasse o caminho dos reis que vêm do lado do nascimento do sol.

A praga da sexta taça derramada por Deus é a praga da escassez que secará o Rio Eufrates. A humanidade enfrentará seu grande sofrimento a partir desta praga. A praga da escassez é a praga mais terrível para a vida de todos. Esta praga, que será derramada sobre aqueles que rejeitaram o evangelho da água e do Espírito dado pelo Senhor, nos mostra quão grande é o sofrimento para aqueles que rejeitaram o amor de Deus e ficaram contra Ele. Mais tarde, o exército de Deus do Céu e o exército de Satanás desta terra enfrentarão a guerra final neste campo de batalha. Satanás e seus seguidores, contudo, serão vencidos e destruídos por Deus.

 

Versículo 13: Então, vi sair da boca do dragão, da boca da besta e da boca do falso profeta três espíritos imundos semelhantes a rãs;

Este versículo nos mostra que as obras de todos os espíritos imundos e demônios se originam da boca de Satanás, Sua Besta e dos falsos profetas. As obras de demônios prevalecerão por todo o mundo quando o fim chegar. Os demônios enganarão as pessoas e as levarão à sua destruição realizando milagres e sinais por meio de Satanás, os falsos profetas e o Anticristo. O mundo do fim dos tempos se tornará um mundo de demônios. Mas seu mundo será acabado com estas pragas das sete taças derramadas por Jesus Cristo e pela Sua segunda vinda.

 

Versículo 14: porque eles são espíritos de demônios, operadores de sinais, e se dirigem aos reis do mundo inteiro com o fim de ajuntá-los para a peleja do grande Dia do Deus Todo-Poderoso.

Os espíritos dos demônios incitarão os corações de todos os reis do mundo para se reunirem em um só lugar para lutarem contra Deus. No mundo do fim dos tempos, os corações de todos serão guiados pelos espíritos de demônios e tais pessoas se tornarão servas de Satanás, fazendo as obras do Diabo.

 

Versículo 15: (Eis que venho como vem o ladrão. Bem-aventurado aquele que vigia e guarda as suas vestes, para que não ande nu, e não se veja a sua vergonha.)

O Senhor virá a este mundo como um ladrão e aqueles que defenderem a sua fé e pregarem o Seu evangelho até o derramamento das pragas da sete taças serão grandemente abençoados. Nosso Senhor fala para os santos que viverem no fim dos tempos do mundo que deverão viver pela fé no evangelho da água e do Espírito dado por Ele e defenderem esta fé até seus últimos dias. Aqueles que defenderem a sua fé no Senhor antes das pragas das sete taças receberão grandes recompensas Dele. Nosso Senhor certamente virá novamente para encontrar aqueles sobre quem Ele derramará as Suas bênçãos.

 

Versículo 16: Então, os ajuntaram no lugar que em hebraico se chama Armagedom.

A Bíblia profetiza que a guerra final entre Satanás e Deus acontecerá em um lugar chamado Armagedom. Mas porque Deus é onipotente, Ele triunfará sobre Satanás e lançará a Besta no lago de fogo e enxofre. Devemos perceber que Satanás sempre foi um enganador e guardar a nossa fé no Senhor firmemente, até o dia em que nós estivermos diante de Deus.

 

Versículos 17-21: Então, derramou o sétimo anjo a sua taça pelo ar, e saiu grande voz do santuário, do lado do trono, dizendo: Feito está! E sobrevieram relâmpagos, vozes e trovões, e ocorreu grande terremoto, como nunca houve igual desde que há gente sobre a terra; tal foi o terremoto, forte e grande. E a grande cidade se dividiu em três partes, e caíram as cidades das nações. E lembrou-se Deus da grande Babilônia para dar-lhe o cálice do vinho do furor da sua ira. Todas as ilhas fugiram, e os montes não foram achados; também desabou do céu sobre os homens grande saraivada, com pedras que pesavam cerca de um talento; e, por causa do flagelo da chuva de pedras, os homens blasfemaram de Deus, porquanto o seu flagelo era sobremodo grande.

Quando Deus derramar a sétima taça no ar, trovões e relâmpagos rasgarão o céu, enquanto um grande terremoto e grandes pedras, como nunca foram vistas antes, atingirão a terra. Com estes desastres, o primeiro mundo desaparecerá totalmente. Após isso, os santos viverão na glória com Jesus Cristo nesta terra renovada por mil anos que virão.

Quando os mil anos se passarem e o tempo da promessa de Deus do Novo Céu e Nova Terra para os santos chegar, Deus fará com que o primeiro mundo desapareça e dará aos santos o segundo céu e terra. Os santos então reinarão com Deus neste Novo Céu e Nova Terra para sempre. Os santos devem crer que viverão no Reino de Cristo por mil anos e então viverão para sempre na glória em Seu Novo Céu e Nova Terra. Eles devem viver nesta esperança, aguardando o retorno do Senhor.

Voltar para a Lista

 


Versão para impressão   |  

 
Bible studies
    Sermões
    A declaração de fé
    O que é o evangelho?
    Termos Bíblicos
    FAQ para a Fé Cristã

   
Copyright © 2001 - 2017 The New Life Mission. ALL RIGHTS reserved.