Livros cristãos gratuitos para estudos bíblicos sobre salvação, o Espírito Santo, o Tabernáculo e o Apocalipse de João

HOME  |  MAPA DO SITE  |  CONTATO  |  AJUDA    
Estudos da Bíblia Livros Cristãos
Grátis
e-livros Cristãos
Grátis
Sobre Nós
 



 Os sermões em assuntos importantes por Rev. Paul C. Jong

 

O Dragão Será Confinado no Poço do Abismo


< Apocalipse 20:1-15 >

“Então, vi descer do céu um anjo; tinha na mão a chave do abismo e uma grande corrente. Ele segurou o dragão, a antiga serpente, que é o diabo, Satanás, e o prendeu por mil anos; lançou-o no abismo, fechou-o e pôs selo sobre ele, para que não mais enganasse as nações até se completarem os mil anos. Depois disto, é necessário que ele seja solto pouco tempo. Vi também tronos, e nestes sentaram-se aqueles aos quais foi dada autoridade de julgar. Vi ainda as almas dos decapitados por causa do testemunho de Jesus, bem como por causa da palavra de Deus, tantos quantos não adoraram a besta, nem tampouco a sua imagem, e não receberam a marca na fronte e na mão; e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos. Os restantes dos mortos não reviveram até que se completassem os mil anos. Esta é a primeira ressurreição. Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre esses a segunda morte não tem autoridade; pelo contrário, serão sacerdotes de Deus e de Cristo e reinarão com ele os mil anos. Quando, porém, se completarem os mil anos, Satanás será solto da sua prisão e sairá a seduzir as nações que há nos quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, a fim de reuni-las para a peleja. O número dessas é como a areia do mar. Marcharam, então, pela superfície da terra e sitiaram o acampamento dos santos e a cidade querida; desceu, porém, fogo do céu e os consumiu. O diabo, o sedutor deles, foi lançado para dentro do lago de fogo e enxofre, onde já se encontram não só a besta como também o falso profeta; e serão atormentados de dia e de noite, pelos séculos dos séculos. Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. Vi também os mortos, os grandes e os pequenos, postos em pé diante do trono. Então, se abriram livros. Ainda outro livro, o Livro da Vida, foi aberto. E os mortos foram julgados, segundo as suas obras, conforme o que se achava escrito nos livros. Deu o mar os mortos que nele estavam. A morte e o além entregaram os mortos que neles havia. E foram julgados, um por um, segundo as suas obras. Então, a morte e o inferno foram lançados para dentro do lago de fogo. Esta é a segunda morte, o lago de fogo. E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo.”



Exegese

Versículo 1: Então, vi descer do céu um anjo; tinha na mão a chave do abismo e uma grande corrente.

Para compensar com Suas recompensas os santos que trabalharam pelo evangelho, nosso Deus dará a eles de presente o Reino de Cristo por mil anos. Para isso, Deus deverá primeiro mandar que um dos seus anjos amarre o Dragão para confiná-lo no poço do abismo por mil anos. Deus fará esta obra primeiro, porque o Dragão deve ser amarrado e preso no Abismo antes de permitir que os santos vivam no Reino Milenar de Cristo. Deus dará ao Seu anjo a chave do poço do abismo e uma grande corrente, e determinará que ele inicie a tarefa de amarrar e prender o Dragão no Abismo.

 

Versículo 2: Ele segurou o dragão, a antiga serpente, que é o diabo, Satanás, e o prendeu por mil anos;

Aquele que tentou e fez Adão e Eva pecarem é esta serpente. A Bíblia chama esta serpente de Dragão e Satanás. Deus pegará o Dragão e o prenderá no poço do abismo por mil anos, para que os santos possam viver em paz com Cristo no Reino Milenar.

 

Versículo 3: lançou-o no abismo, fechou-o e pôs selo sobre ele, para que não mais enganasse as nações até se completarem os mil anos. Depois disto, é necessário que ele seja solto pouco tempo.

Para construir o Reino de Cristo nesta terra e permitir que os santos reinem com o Senhor por mil anos, Deus prenderá o Dragão no Abismo por mil anos e evitará que ele engane os santos.

A passagem aqui diz, “Depois disto, é necessário que ele seja solto pouco tempo”. Quando os mil anos terminarem, Deus libertará o Dragão por um tempo, para que quando ele começar a atormentar os santos novamente, Ele seja lançado no inferno para sempre, para que nunca mais seja visto novamente.

 

Versículo 4: Vi também tronos, e nestes sentaram-se aqueles aos quais foi dada autoridade de julgar. Vi ainda as almas dos decapitados por causa do testemunho de Jesus, bem como por causa da palavra de Deus, tantos quantos não adoraram a besta, nem tampouco a sua imagem, e não receberam a marca na fronte e na mão; e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos.

No Reino de Cristo, os Cristãos nascidos de novo receberão autoridade para julgar. Os santos, tendo se tornado sacerdotes de Cristo, reinarão no Reino Milenar com o Senhor. Seus habitantes são aqueles que foram martirizados testemunhando de Jesus e defendendo a sua fé, aqueles que não receberam a marca da Besta nem adoraram sua imagem.

Eles são aqueles que foram martirizados durante o tempo das tribulações trazidas pelo Anticristo, e Deus os ressuscitará para viverem novamente e permitirá que eles reinem no Reino de Cristo por mil anos que virão. É claro que todos aqueles que participarem da primeira ressurreição serão abençoados com a mesma bênção.

Existem duas ressurreições dadas pelo Senhor: a primeira ressurreição e a segunda ressurreição. Os santos que viverão no Reino milenar são aqueles que participarão da primeira ressurreição. Todos aqueles que participarem da primeira ressurreição também farão parte da glória de viverem no Reino Milenar, o Reino de Cristo. A primeira ressurreição acontecerá quando Jesus Cristo retornar para arrebatar todos os santos (1 Tessalonicensses 4:15-17). Mas a segunda acontecerá no fim do Reino Milenar porque está preparada para os pecadores, para sentenciá-los à morte eterna.

A autoridade dos santos para reinarem por mil anos é dada pelo Senhor Todo-Poderoso. O Reino de Cristo é dado a eles porque creram no evangelho do Senhor da água e do Espírito e desistiram das suas vidas para defenderem a sua fé Nele.

 

Versículo 5: Os restantes dos mortos não reviveram até que se completassem os mil anos. Esta é a primeira ressurreição.

Aqueles que, não tendo recebido a remissão dos seus pecados pelo Senhor, vão até Ele após viverem nesta terra como pecadores, não poderão participar da primeira ressurreição que o Senhor dará aos santos. Portanto, mesmo quando os santos viverem por mil anos no Reino de Cristo em festividade, eles não receberão a primeira ressurreição. A razão é porque os santos que receberam a bênção da primeira ressurreição também terão recebido autoridade para viverem no Reino de Cristo, em riqueza e glória, por mil anos.

Contudo, Deus permitirá uma “segunda ressurreição” para os pecadores. Por quê? Porque no tempo da segunda ressurreição, Deus os trará de volta da morte para que possa julgá-los por seus pecados. O destino deles é serem trazidos de volta da morte para serem julgados por seus pecados. É por isso que a ressurreição dos pecadores é diferente daquela dos santos, tanto na ordem como em suas conseqüências.

Além daqueles que participarão da primeira ressurreição em razão da sua fé no evangelho da água e do Espírito, o Senhor não permitirá que ninguém mais viva novamente até que os mil anos terminem. Assim, a ressurreição dos justos será mil anos antes da ressurreição dos pecadores. A ressurreição dos justos é para que eles recebam a vida e bênçãos, mas a ressurreição dos pecadores é para que eles recebam a punição eterna por seus pecados.

 

Versículo 6: Bem-aventurado e santo é aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre esses a segunda morte não tem autoridade; pelo contrário, serão sacerdotes de Deus e de Cristo e reinarão com ele os mil anos.

A Bíblia nos fala que a segunda morte não tem poder sobre aqueles que tomaram parte na primeira ressurreição. Assim, nos fala que estes participantes da primeira ressurreição são abençoados, pois também reinarão no Reino Milenar.

 

Versículos 7-8: Quando, porém, se completarem os mil anos, Satanás será solto da sua prisão e sairá a seduzir as nações que há nos quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, a fim de reuni-las para a peleja. O número dessas é como a areia do mar.

Liberto após permanecer trancado por mil anos, o Dragão tentará se voltar contra os santos novamente, e então Deus o lançará no lago de fogo para que ele nunca mais possa sair de novo. Com este julgamento, o Dragão só será visto no inferno.

Nós então podemos perguntar, “Isso significa que aqueles que não nasceram de novo continuarão existindo no Reino Milenar?”. A resposta é “sim”. Apocalipse 20:8 afirma que existem muitas pessoas da terra no Reino de Cristo. Nós não sabemos ao certo se elas são as pessoas novamente criadas por Deus, ou aqueles que viveram antes na terra. Mas o que sabemos é que Deus sabe quem elas são e que para os santos reinarem, haverá uma grande multidão delas, tantas quanto a areia do mar.

A verdade é que quando os santos viverem no Reino de Cristo, eles ainda verão o povo da terra. Eles existirão para servirem aos santos,e seu número será tão grande quando a areia do mar. Apesar de se unirem ao Dragão para se voltarem contra os santos novamente, todos eles serão destruídos pelo fogo trazido por Deus, receberão o eterno julgamento do Seu grande trono branco e será lançado no fogo eterno. Com isso, o Reino Milenar terminará, e a partir de então os santos irão para o Novo Céu e Nova Terra onde viverão para sempre.

 

Versículo 9: Marcharam, então, pela superfície da terra e sitiaram o acampamento dos santos e a cidade querida; desceu, porém, fogo do céu e os consumiu.

O Dragão é Satanás que tem ficado constantemente contra Deus e Seus santos. Apesar de ele enganar as pessoas da terra vivendo no Reino de Cristo e ameaçar os santos, porque Deus é Todo-Poderoso, Ele trará fogo do céu e devorará a todos, e lançará o Dragão no fogo eterno para nunca mais se voltar contra Ele e Seus santos.

 

Versículo 10: O diabo, o sedutor deles, foi lançado para dentro do lago de fogo e enxofre, onde já se encontram não só a besta como também o falso profeta; e serão atormentados de dia e de noite, pelos séculos dos séculos.

Lançando o Dragão no lago de fogo e enxofre, Deus assegurará que ele seja atormentando dia e noite. Este é o justo julgamento de Deus, o sofrimento que o Dragão e seus seguidores merecem.

 

Versículo 11: Vi um grande trono branco e aquele que nele se assenta, de cuja presença fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles.

Tendo completado Sua recompensa para os santos por mil anos, Deus agora irá criar Seu Novo Céu e Nova Terra e viverá com eles para sempre nesse lugar. Para cumprir isso, Deus terá que completar todas as obras que Ele já começou. Este último ato, de término, é para o Senhor sentar no trono branco como Juiz e distribuir Seu julgamento final sobre todos os pecadores, cujas obras estão registradas no Livro das Obras, exceto aqueles cujos nomes estão escritos no Livro da Vida.

O julgamento de Deus dos pecadores terminará com isso, e a partir de então o domínio do Novo Céu e Nova Terra será aberto. Nosso Senhor fará o primeiro céu e a primeira terra desaparecerem, criará o segundo mundo do Novo Céu e Nova Terra, e permitirá que os santos vivam nesse Reino celestial. Segundo o que está escrito no Seu Livro da Vida e Livros de Julgamento, Deus dará o Novo Céu e Nova Terra a um grupo de pessoas, e a punição do inferno para outro.

 

Versículo 12: Vi também os mortos, os grandes e os pequenos, postos em pé diante do trono. Então, se abriram livros. Ainda outro livro, o Livro da Vida, foi aberto. E os mortos foram julgados, segundo as suas obras, conforme o que se achava escrito nos livros.

O julgamento de Cristo neste tempo determinará a punição final – ou seja, Ele distribuirá Suas sentenças finais sobre os pecadores com a punição do inferno. Serão julgados segundo as suas obras, conforme está registrado no Livro do Julgamento. Portanto, os pecadores morrerão duas vezes. Sua segunda morte é o sofrimento do inferno, o qual a Bíblia descreve como morte eterna. Os pecadores não podem escapar da punição do inferno. Eles devem, portanto, buscar aprender a Palavra do evangelho da água e do Espírito agora, enquanto ainda vivem nesta terra, crer nela e, portanto, receberem a bênção de ter os seus nomes escritos no Livro da Vida.

 

Versículo 13: Deu o mar os mortos que nele estavam. A morte e o além entregaram os mortos que neles havia. E foram julgados, um por um, segundo as suas obras.

“Deu o mar os mortos que nele estavam. A morte e o além entregaram os mortos que neles havia” pois todos os pecadores devem receber a condenação final por seus pecados. Os lugares descritos nessa passagem – ou seja, Morte e Além – se referem particularmente aos lugares onde os servos de Satanás, que enganados por ele e estando sobre o seu controle enquanto viveram, permaneceram contra Deus, estarão aprisionados. Este versículo nos fala que como Deus adiou o julgamento deles por um tempo, agora chegou o momento do seu julgamento final.

Portanto, onde quer que as pessoas vivam, elas devem perceber que a quem elas pertencem é muito importante. Aqueles que trabalharam como servos de Satanás enquanto viveram nesta terra serão trazidos novamente da morte com a ressurreição da punição, para receberem o seu julgamento final, mas aqueles que serviram ao evangelho da água e do Espírito farão parte da ressurreição da bênção e da vida eterna.

Dessa forma, as pessoas devem perceber enquanto estão nesta terra que o evangelho da água e do Espírito, com o qual o Senhor destruiu todos os pecados da humanidade, é de importância crucial. Aqueles que trabalharam como servos de Satanás enquanto viveram nesta terra serão trazidos novamente da morte com a ressurreição da punição, para receberem o seu julgamento final, mas aqueles que serviram ao evangelho da água e do Espírito farão parte da ressurreição da bênção e da vida eterna. Todos os pecadores serão julgados por suas iniqüidades e receberão sua punição final no inferno. É aqui que nós encontramos a razão exata pela qual devemos, enquanto vivermos nesta terra, crer no evangelho da água e do Espírito, o evangelho com o qual o Senhor perdoou todos os nossos pecados.

 

Versículo 14: Então, a morte e o inferno foram lançados para dentro do lago de fogo. Esta é a segunda morte, o lago de fogo.

O versículo nos fala do julgamento dos pecados da humanidade diante de Deus, que foram cometidos em razão das pessoas permanecerem do lado de Satanás. A punição reservada para as pessoas más, que levaram outras pessoas para Satanás, é serem lançadas no lago de fogo. Esta é a segunda morte que Deus trará aos pecadores, e é a punição do lago de fogo. A morte que a Bíblia fala aqui não é simplesmente desaparecer, mas é a punição do sofrimento eterno no inferno ardente.

A salvação falada na Escritura não é temporária, mas eterna. Aqueles que crerem no evangelho da água e do Espírito enquanto estiverem nesta terra entrarão no eterno Reino do Céu e viverão felizes eternamente. A diferença entre a recompensa dos crentes no evangelho da água e do Espírito e da punição dos descrentes é tão grande quanto a diferença entre o céu e a terra.

 

Versículo 15: E, se alguém não foi achado inscrito no Livro da Vida, esse foi lançado para dentro do lago de fogo.

Com a palavra “alguém” aqui, este versículo nos fala que o fato do nome das pessoas estar ou não escrito no Livro da Vida dependerá inteiramente se elas crêem na Palavra do evangelho da água e do Espírito, através do qual todos os seus pecados são perdoados, tornando-os tão brancos como a neve, inobstante eles serem bons freqüentadores de igreja, ou se suas igrejas pertencem a denominações ortodoxas ou heterodoxas. Aqueles cujos nomes não estiverem escritos no Livro da Vida do Senhor, portanto, serão todos lançados no lago do fogo sem exceção.

As pessoas religiosas do mundo têm uma tendência marcante de colocarem cada vez mais importância em seus ritos religiosos do que na sua redenção do pecado. Mas quando estiverem diante de Deus, se o evangelho da água e do Espírito dado por Jesus não for encontrado em seus corações, o nome destas pessoas não estará escrito no Livro da Vida, e elas também serão lançadas no lago de fogo, mesmo que ela fosse uma boa pessoa Cristã.

Assim, enquanto ainda está vivendo nesta terra, você deve ouvir com seus ouvidos o evangelho da água e do Espírito do Senhor que fez todos os seus pecados desaparecerem, e deve crer nele com todo seu coração. Você então receberá a glória de ter seu nome escrito no Livro da Vida.

Voltar para a Lista

 


Versão para impressão   |  

 
Bible studies
    Sermões
    A declaração de fé
    O que é o evangelho?
    Termos Bíblicos
    FAQ para a Fé Cristã

   
Copyright © 2001 - 2017 The New Life Mission. ALL RIGHTS reserved.