Livros cristãos gratuitos para estudos bíblicos sobre salvação, o Espírito Santo, o Tabernáculo e o Apocalipse de João

HOME  |  MAPA DO SITE  |  CONTATO  |  AJUDA    
Estudos da Bíblia Livros Cristãos
Grátis
e-livros Cristãos
Grátis
Sobre Nós
 



 Os sermões em assuntos importantes por Rev. Paul C. Jong

 

Enganadores e Heréticos dentro do Cristianismo


< Isaías 28:13-14 >

“Assim, pois, a palavra do SENHOR lhes será preceito sobre preceito, preceito e mais preceito; regra sobre regra, regra e mais regra; um pouco aqui, um pouco ali; para que vão, e caiam para trás, e se quebrantem, se enlacem, e sejam presos. Ouvi, pois, a palavra do SENHOR, homens escarnecedores, que dominais este povo que está em Jerusalém no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne; e o que é nascido do Espírito é espírito.”



Heresias Bíblicas

Como a Bíblia define
a palavra “herege?”
A Bíblia define um herege como aquele
que tem pecado em seu coração
apesar de crer em Jesus.

Existem muitos escritores falsos hoje em dia, especialmente em países em desenvolvimento. Eles fingem ser escritores, mas normalmente exigem dinheiro de suas vítimas, ameaçando expor algo que elas tenham feito. Pseudo significa algo que parece genuíno, mas não é algo real. Em outras palavras, se refere a algo cujo exterior é completamente diferente do interior.

As palavras “herege” e “pseudo” são usadas com freqüência, especialmente em igrejas Cristãs, mas existem poucas definições exatas do que é um herege e o que deve ser chamado de “pseudo.” Existem poucos que ensinam estes conceitos estritamente de acordo com a Bíblia.

Considerando tais circunstâncias, eu sinto a obrigação de expor o que a Bíblia define como “heresia” e lançar um pouco de luz sob tal assunto. Eu também quero ressaltar alguns exemplos de heresia na vida real e, portanto, teremos que pensar juntos sobre o assunto. Todos que crêem em Deus devem pensar pelo menos uma vez na vida sobre heresia.

Tito 3:10-11 define um herege como uma pessoa facciosa que está pervertida e vive pecando, condenando a si mesma. Um herege é alguém que condena a si mesmo como pecador. Portanto, aqueles que crêem em Jesus, mas têm pecado em seus corações, são hereges perante Deus.

Jesus levou todos os pecados através do Seu batismo, mas os hereges recusam-se a crer no verdadeiro evangelho que traz a salvação para os pecadores e, portanto, condenam a si mesmos a se juntarem ao grupo de pecadores.

Você é um herege? Temos que pensar sobre isso se queremos viver uma vida justa e fiel.

Você não está condenando a si mesmo como um pecador, apesar de crer em Jesus, por ainda não ter conhecido o evangelho da água e do Espírito? Se você se considera um pecador, então você está fazendo um desserviço para Jesus negligenciando a Sua perfeita salvação e o evangelho da água e do Espírito.

Chamar a si mesmo de pecador diante de Deus é admitir que não é filho Dele. Aqueles que confessam a Jesus, “Senhor, eu sou um pecador,” devem reconsiderar a sua própria fé.

Como você pode crer em Jesus e ainda dizer que é um pecador quando Jesus levou todos os pecados do mundo e salvou você perfeitamente da maldição eterna? Como você pode negar o Seu dom gratuito da salvação e se definir como um pecador quando Jesus levou todos os seus pecados através do Seu batismo e foi julgado por todos eles na Cruz?

Tais pessoas são hereges porque querem ser pecadoras afastadas da palavra de Deus. Você precisa conhecer o evangelho da água e do Espírito para evitar cometer heresias perante Deus.

Todos que crêem em Jesus, mas não são nascidos de novo, são hereges, porque ainda possuem pecados em seus corações.

Porque Deus levou todos os pecados do mundo, incluindo os nossos, somos hereges diante Dele se ignorarmos esta benção da salvação. Porque Ele é santo, nós somos hereges se tivermos pecados em nossos corações. Se realmente queremos ser justos, devemos crer no evangelho do batismo de Jesus e do Seu sangue na Cruz.



A origem da heresia na Bíblia

Qual é a qualificação mais importante
para um sacerdote?
Ele deve ser nascido de novo.

Vamos ler I Reis 12:25-26, “Jeroboão edificou Siquém, na região montanhosa de Efraim, e passou a residir ali; dali edificou Penuel. Disse Jeroboão consigo: Agora, tornará o reino para a casa de Davi.” Jeroboão era um dos subordinados de Salomão. Quando Salomão tornou-se corrupto em seus últimos anos, Jeroboão rebelou-se contra o rei e mais tarde tornou-se rei das dez tribos de Israel, no tempo de Roboão, filho de Salomão.

A primeira preocupação de Jeroboão quando se tornou rei foi sobre a possibilidade do povo retornar para Judá, onde estava o templo.

Então, ele teve uma idéia para evitar que isso acontecesse. Ele fez dois bezerros de ouro, em Betel e Dan, e ordenou a seu povo que os adorasse. I Reis 12:28 diz, “Pelo que o rei, tendo tomado conselhos, fez dois bezerros de ouro.” Um foi colocado em Betel e o outro em Dan, então foi dito ao povo para adorá-los, apesar de estarem cometendo um terrível pecado. Ele mesmo, arbitrariamente, escolheu os sacerdotes para liderarem a adoração.

“Depois destas coisas, Jeroboão ainda não deixou o seu mau caminho; antes, de entre o povo tornou a constituir sacerdotes para lugares altos; a quem queria, consagrava para sacerdote dos lugares altos” (I Reis 13:33). Esta é a origem da heresia.

Mesmo agora, os hereges escolhem para o sacerdócio qualquer um que queira fazer a obra de Deus. Qualquer um que se forma em um seminário teológico pode se tornar um ministro, um evangelista, um missionário ou um ancião, mesmo se tal pessoa não é nascida de novo da água e do Espírito.

Como uma pessoa que não nasceu de novo pode se tornar um ministro? Se tal pessoa é escolhida como ministro, a igreja que o elege se torna uma fábrica de produção de hereges.

Vamos pensar novamente sobre a origem das heresias. Primeiro, Jeroboão substituiu Deus por bezerros de ouro, para manter o seu poder político. Segundo, ele consagrou todos aqueles que se voluntariaram como sacerdotes. Em outras palavras, ele consagrou pessoas comuns como sacerdotes. E a mesma coisa é feita atualmente.

A história das heresias continuou após a época de Jeroboão. Aqueles que não são nascidos de novo da água e do Espírito nunca poderiam ser sacerdotes.

Uma pessoa que simplesmente se formou em um seminário teológico pode se tornar um ministro ou um evangelista? Está tudo bem para eles servir a Deus, apesar do fato de não serem aprovados por Deus? Nunca. Apenas aqueles que foram reconhecidos por Deus devem se tornar Seus servos. E são reconhecidos por Ele aqueles que nasceram de novo da água e do Espírito.

Está escrito em I Reis 12:25-26 e I Reis capítulo 13 que o pecado de Jeroboão provocou a ira de Deus. Nós todos deveríamos conhecer esta história, mas se não estiver familiarizado com ela, deveria ir até a Bíblia e encontrá-la.

Pense novamente se você está substituindo Deus por bezerros de ouro em seu ministério. Você, por acaso, coloca ênfase em bênçãos terrenas com medo de seus seguidores retornarem para o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito?

Você fala para os seus seguidores que eles podem ser curados de doenças se eles crerem em Jesus? Você fala que serão abençoados com propriedades? Você escolhe aqueles que não são nascidos de novo para serem ministros ou membros da equipe da sua igreja e afirma que a sua denominação é a única verdadeira? Então você está cometendo o pecado de Jeroboão perante Deus e provocando a Sua ira.



Os hereges adoram um Deus de bezerros de ouro

Ainda hoje, existem muitos hereges que adoram bezerros de ouro. Eles dizem que Deus abençoou Salomão quando ele ofereceu mil holocaustos a Deus. I Reis 3:3-5 diz, “Salomão amava ao SENHOR, andando nos preceitos de Davi, seu pai; porém sacrificava ainda nos altos e queimava incenso. Foi o rei a Gibeão para lá sacrificar, porque era o alto maior; ofereceu mil holocaustos Salomão naquele altar. Em Gibeão, apareceu o SENHOR a Salomão, de noite, em sonhos. Disse-lhe Deus:‘Pede-me o que queres que eu te dê.’”

Eles extorquem dinheiro de seus seguidores sob a promessa fraudulenta de “mil holocaustos de Salomão.” Aqueles seguidores ignorantes são extorquidos e os que adoram bezerros de ouro como seu Deus são destituídos de seu dinheiro, que é usado como contribuição para construir gigantescos prédios de igrejas. Não porque as igrejas são muito pequenas, mas porque eles querem tirar dinheiro de seus seguidores.

Colocar bezerros de ouro para as suas congregações adorarem foi apenas uma desculpa dos hereges para tirar dinheiro deles. Nós que cremos em Deus nunca devemos ser feitos de bobos. Se você oferecer dinheiro em adoração a bezerros de ouro, isso não é oferecido a Deus, mas termina no bolso de pseudo-sacerdotes que estão cheios de cobiça, como Jeroboão. Você nunca deve cair nas armadilhas dos hereges.

Então, por que Deus se agradou com os mil holocaustos de Salomão? Porque Salomão conhecia os seus próprios pecados, reconhecia que ele tinha que morrer por eles e ofereceu sacrifício segundo a sua fé. Ele ofereceu mil holocaustos em gratidão pela salvação de Deus. Salomão oferecia mil holocaustos todos os dias, pensando na redenção da água e do Espírito.

Agora, você deve se lembrar do verdadeiro significado da heresia, para que nunca seja enganado por pseudo-sacerdotes.



Aqueles que ministram sem ser nascidos de novo são hereges

O que os hereges dizem sobre
o novo nascimento?
Dizem que são nascidos de novo por meio
de visões, sonhos e vários tipos de
experiências espirituais.

Existem aqueles que ensinam aos outros sobre o novo nascimento quando nem mesmo eles renasceram na sua fé. Todos estes são hereges. Falam para os outros nascerem de novo quando eles são incapazes de renascer, pois não conhecem o evangelho da água e do Espírito. Assim, só podemos rir.

Os pseudo-sacerdotes pregam um falso evangelho, distorcendo o evangelho da água e do Espírito. Eles falam para as pessoas lavarem os seus próprios pecados todos os dias.

Eles dizem, “Vá e ore nas montanhas, tente jejuar, devote a sua vida à obra de Deus, ore de madrugada, seja obediente, ofereça muito dinheiro para construir igrejas, mas você deve tomar cuidado com seus próprios pecados.”

Certa vez, eu ouvi de uma pessoa testemunhando que ela havia nascido de novo. Ela disse que, em um sonho, estava em uma fila e, quando chegou a sua vez, Jesus chamou o seu nome. Ela disse que foi o seu Testemunho de novo nascimento. Mas está correta esta convicção? Jesus não falou isso.

Em João 3, Ele diz, “quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus.” Deus diz que apenas aqueles que são nascidos de novo da água e do Espírito podem se tornar verdadeiros sacerdotes. Todos que crêem que são nascidos de sonhos, fantasias, êxtases espirituais ou orações de arrependimento são hereges.

Atualmente, muitas pessoas não crêem na palavra escrita de Deus e exaltam suas doutrinas denominacionais ao invés de nascer de novo da água e do Espírito. Aqueles que se recusam a pregar o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito são pseudo-Cristãos e hereges.



Reformadores e o Cristianismo existente

Quando o verdadeiro evangelho
começou a se misturar e ser distorcido
por outras religiões?
Desde o tempo em que o Imperador Romano
Constantino proclamou o Edito
de Milão em 313 d.C.

Quando as denominações do Cristianismo foram formadas? Quando as denominações diferentes como Presbiterianos, Metodistas, Batistas, Luteranos, Santidade e Evangelho Pleno começaram? A Reforma começou a cerca de 500 anos atrás.

Os Cristãos primitivos foram aqueles que seguiram a Jesus quando Ele estava neste mundo. “Cristãos” significa “aqueles que seguem a Cristo.”

Os primeiros Cristãos foram os apóstolos e seus discípulos. Esses seguiram o verdadeiro evangelho até 313 d.C., mas após o Edito de Milão de Constantino, o Grande, os Cristãos e Gentios começaram a se misturar, resultando nos anos negros que permaneceram por mais de 1000 anos.

Mais tarde, no século 16, Martinho Lutero proclamou a Reforma, dizendo, “O justo viverá por fé.” Um pouco depois, entre 1500 e 1600, Reformadores como João Calvino e John Knox lideraram o movimento contra o catolicismo. Isso foi tudo o que a Reforma alcançou.

A Reforma foi simplesmente um esforço para estabilizar novas igrejas separadas da Igreja Católica Romana. Os Reformadores não negavam o catolicismo em si.

O seu propósito não era promover a fé no novo nascimento da água e do Espírito, mas se libertar da opressão e da corrupção da Igreja Católica Romana, que chamou este movimento de Protestantismo, que significa os protestantes.

Naquele tempo, a Igreja Católica Romana pedia para as pessoas comprarem indulgências, dizendo que elas poderiam enviar os seus ancestrais mortos para o céu quando as comprassem com muito dinheiro. Lutero não percebeu que o catolicismo estava errado, mas estava apenas tentando impedir a Igreja Católica Romana de vender indulgências para financiar a construção da Catedral de São Pedro.

Como resultado, nós podemos ver muitos resquícios da Igreja Católica nas Igrejas Protestantes modernas: Batismo de crianças, orações de arrependimento, que são similares à confissão na Igreja Católica, rituais santos, reconhecimento apenas daqueles que são formados em seminários teológicos como ministros, igrejas majestosas e grandiosas. Tudo isso são resquícios da Igreja Católica Romana.

Contando da Reforma há 500 anos atrás, a história do Protestantismo tem cerca de 500 anos. Este ano é o 481° aniversário da Reforma. Você pode não perceber que Martinho Lutero protestou contra a sua igreja mãe há apenas 481 anos atrás. Portanto, o Cristianismo não pode clamar por sua legitimidade à luz da sua relativa juventude. A Reforma do Cristianismo ainda está acontecendo e deve continuar acontecendo continuamente.

Mas há uma coisa que nós temos que ter em mente, nunca podemos esquecer que apenas aqueles que são nascidos de novo da água e do Espírito podem entrar no reino do céu. Vamos pregar isso! Você prega o evangelho de Jesus, o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito? Se não, você não é um servo de Deus. É neste evangelho do “novo nascimento da água e do Espírito” que Deus quer que nós acreditemos. É o que Jesus ensina a Nicodemos em João capítulo 3.

A Bíblia só fala do evangelho do novo nascimento ou fala sobre outras coisas, como trabalhar para o bem da sociedade e viver uma vida santa? É claro que essas coisas são importantes também, mas você as faz depois de nascer de novo da água e do Espírito. A vontade de Deus é que nós acreditemos no evangelho.



Ensinamentos dos hereges

Quem são os hereges?
Aqueles que ainda são pecadores apesar
de crerem em Jesus.

Quando os falsos Cristãos e a fé herege começaram a prosperar no mundo?

O povo de Israel adorava um Deus, até que se separaram em dois reinos no tempo de Jeroboão, como está escrito em I Reis 12-13. Daquele tempo em diante, antes que Cristo viesse ao mundo, a fé dos hereges começou a prosperar e existem muitos deles nos dias de hoje.

A Bíblia fala sobre os ensinamentos dos falsos Cristãos em Isaías capítulo 28 e Tito 3:10-11. A Bíblia diz que os hereges são aqueles que crêem em Jesus, mas ainda têm pecados em seus corações. Todos que são assim são hereges.

Eles ensinam, como está escrito em Isaías 28:9-10, “A quem, pois, se ensinaria o conhecimento? E a quem se daria a entender o que se ouviu? Acaso, aos desmamados e aos que foram afastados dos seios maternos? Porque é preceito sobre preceito, preceito e mais preceito; regra sobre regra, regra e mais regra; um pouco aqui, um pouco ali.”

7Os hereges acrescentam preceito sobre preceito, regra sobre regra. O que isso significa? Significa “Tome cuidado, tome cuidado, tome cuidado com aqueles que dizem que são nascidos de novo através da sua fé em Jesus.” Eles apenas dizem para você ter cuidado, não importando o que aconteça. Eles dizem para você não ouvir, não ir, com medo que você caia em heresia.

Mas se eles estão tão certos que a sua fé é a mais correta, por que repelem aqueles que dizem que as suas crenças diferem da palavra de Deus? Isso é lastimável. Afirmam ser as igrejas ortodoxas, mas não têm palavras para superar o que chamam de heresias. O verdadeiro Cristão pode vencer qualquer herege com a palavra de Deus.

Atualmente, os supostos Cristãos ortodoxos denunciam os Cristãos nascidos de novo como hereges porque suas crenças são diferentes. Como podemos ser hereges quando cremos no evangelho da água e do Espírito?

Se aqueles chamados hereges pregam o evangelho da água e do Espírito, eles realmente são Cristãos ortodoxos. Da mesma forma, se os supostos Cristãos ortodoxos não pregam o evangelho da água e do Espírito, eles são hereges.

A diferença entre “ortodoxia” e “heresia” está se eles pregam o evangelho da água e do Espírito, se eles crêem em Jesus e se têm ou não pecado em seu coração. Como eles podem ser hereges se crêem na palavra de Deus e são nascidos de novo da água e do Espírito?

É heresia crer no batismo de Jesus e na Sua morte na Cruz e ser completamente limpo do pecado? É “ortodoxo” não crer no evangelho da água e do Espírito?

Existem muitos denominacionalistas que têm se afastado da Bíblia e ainda dizem ser Cristãos ortodoxos. Eles se afastam do novo nascimento da água e do Espírito como está na Bíblia, porque pregam apenas o sangue na Cruz, negando o batismo de Jesus (a água).

Qual é a diferença entre a Igreja Católica Romana e a Igreja Protestante atual? Assim como os reformadores se rebelaram contra a Igreja Católica, assim como eles saíram dessa igreja e construíram o Protestantismo, nós devemos também nos rebelar contra os Cristãos cegos e os falsos sacerdotes. Apenas assim nós podemos abrir os nossos olhos para o verdadeiro evangelho, ter a verdadeira fé e ser completamente salvos através do evangelho da água e do Espírito.


O que temos que fazer para não
nos transformarmos em hereges?
Nós temos que nascer de novo da
água e do Espírito.

A Bíblia nos fala que apenas aqueles que crerem no evangelho do batismo de Jesus e do Seu sangue na Cruz seguem a verdadeira fé. Jesus disse tais coisas para Nicodemos em João 3:1-12.

Os hereges sempre pedem que seus seguidores sejam devotos na sua fé, pedem que orem de madrugada e que trabalhem duro. É como pedir para homens cegos que corram.

Não importa o quanto você ore, não terá nenhuma utilidade se não nascer de novo da água e do Espírito. Quando nós dizemos que aqueles que são nascidos de novo são justos, os hereges citam Romanos 3:10, “Não há justo, nem um sequer.” Com este versículo, eles rotulam os crentes como hereges.

Mas eles são hereges. O verdadeiro significado do verso não é tão simples como parece, mas eles não leram a Bíblia toda. O Apóstolo Paulo disse que não há nenhum homem justo no mundo, ele estava apenas citando um versículo do Antigo Testamento que diz que não havia justos no mundo antes de Jesus vir e libertar toda a humanidade de seus pecados com a salvação de Deus. Mas aqueles que são salvos por Jesus se tornaram justos.

Nós podemos ver a verdade se lermos o capítulo inteiro. Os hereges só advertem os seus seguidores para tomarem cuidado com aqueles cuja fé é diferente da deles. Com exceção de igrejas que eles reconhecem como ortodoxas, eles proíbem que seus seguidores freqüentem outros lugares. Portanto, sua congregação não ousa ir até igrejas que pregam o evangelho da água e do Espírito.

Eles se tornam surdos para o verdadeiro evangelho e não podem nascer de novo. Estes são os ensinamentos dos falsos líderes que criam os filhos do inferno e eles serão julgados por Deus. Os hereges precisam voltar para Deus.

Quem são os hereges? São aqueles redimidos pela crença no evangelho da água e do Espírito ou são aqueles que dizem crer em Jesus, mas não são nascidos de novo da água e do Espírito?

Tito 3:11 diz que aqueles que crêem em Jesus, mas continuam se autocondenando são hereges.

Eles ensinam os seus seguidores a não participar de cultos de avivamento nos quais o evangelho da água e do Espírito é pregado, dizendo que é perigoso. Como os “ortodoxos” podem ter medo de conflito de crenças? Eles têm medo porque não possuem a verdade do lado deles. “Porque é preceito sobre preceito, preceito e mais preceito.” Os ensinamentos dos hereges são assim.

Os sacerdotes hereges citam um pouco deste livro, um pouco daquele livro, das palavras de filósofos, da literatura e misturam tudo isso com seus próprios pensamentos, e fazem tudo soar muito bem.

Levam seus seguidores a serem ignorantes e tentam educá-los com ensinamentos mundanos. A verdadeira igreja prega a palavra de Deus e educa os crentes com apenas esta palavra. As pessoas não vêm à igreja para serem educadas da mesma forma que o mundo, pelo contrário, vêm à igreja para ouvir coisas celestiais, que não podem ser ouvidas no mundo. Elas vêm ouvir as palavras de Jesus.

As pessoas entram em suas igrejas como pecadoras, mas querem sair da igreja como crentes justos que não possuem pecado. Mas o que os sacerdotes hereges os ensinam? Eles dizem a seus seguidores para não irem a cultos de avivamento nos quais servos de Deus pregam o verdadeiro evangelho. Eles impedem que seus seguidores tornem-se nascidos de novo da água e do Espírito.

Isso é uma grande estupidez. Eles podem ser capazes de enganar os seus seguidores, mas nunca poderão enganar a Deus.


Os falsos sacerdotes podem
fazer os seus seguidores nascerem de
novo da água e do Espírito?
Não. Apenas os nascidos de novo podem
fazer os outros nascerem de novo.

Hereges, se vocês são verdadeiros servos de Deus, não conseguem ouvir o Espírito reprovando-os? Vocês precisam retornar. Devem parar de obstruir os seus seguidores de participarem os cultos de avivamento em que os verdadeiros servos de Deus pregam o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito.

Os hereges educam os seus seguidores apenas com teologia e quando encontram outras teorias, eles são derrotados. É muito triste. Os falsos sacerdotes são bons em ministrar sem a palavra de Deus. Eles pregam, consultam e ministram baseados em suas próprias convicções erradas.

Aqueles que ministram e pregam sem a palavra de Deus são hereges e mercenários (João 10:13).

Os pseudoministros são hereges porque o seu interior e exterior são diferentes. Algumas pessoas definem as igrejas que não se encaixam nas denominações estabelecidas como igrejas hereges, mas algumas delas não querem pertencer a nenhuma denominação, pois a maioria está longe da Bíblia.

Os hereges falam para seus seguidores serem redimidos, apesar de eles mesmos nunca terem resolvido os seus problemas de pecados. Eles estão cometendo o pecado de Jeroboão. Se existe alguém que ainda tem pecado em seu coração, mas tentar fazer as obras de Deus, tal pessoa deve perceber que seus pecados e a santidade de Deus são incompatíveis. A pessoa precisa saber que é uma herege.

Portanto, se alguém que prega ou trabalha na igreja ainda tem pecados, deve perceber que é um herege, pois não conhece o evangelho da salvação de Cristo, o evangelho do novo nascimento da água e o Espírito. Se alguém aprende sobre a Bíblia por meio de um herege e ensina aos outros da mesma forma, tal pessoa também se torna igualmente herege.

Nós podemos reconhecer a árvore por seus frutos. Aqueles que se tornaram justos crendo no batismo de Jesus e no Seu sangue só podem colher a justiça, enquanto aqueles que ainda são pecadores são condenados a colher o pecado. “Assim, toda árvore boa produz bons frutos, porém a árvore má produz frutos maus” (Mateus 7:17).



O que os sacerdotes hereges pregam em seus sermões?

O que os sacerdotes hereges
pregam em seus sermões?
Teologia mundana e pensamentos
humanos.

Os falsos sacerdotes tomam muito cuidado com isso e com aquilo. Por que tanto cuidado? Para que as suas mentiras não sejam descobertas, porque eles não têm a fé verdadeira do novo nascimento da água e do Espírito.

Eles pegam um pouco aqui e um pouco ali, enganam as pessoas e ensinam sem conhecer o verdadeiro significado do evangelho.

“Porque é preceito sobre preceito, preceito e mais preceito; regra sobre regra, regra e mais regra; um pouco aqui, um pouco ali” (Isaías 28:13).

Regra sobre regra, eles dizem, “Essa palavra significa isso e isso em Grego e isso e isso em Hebraico. E existem tais e tais teorias.” Eles também advertem as pessoas para tomarem cuidado se elas encontrarem a teoria da salvação expressa claramente. Eles dizem, “Matinho Lutero disse isso e João Calvino disse aquilo, enquanto John Knox disse isso e isso, e nós pensamos que tudo isso faz sentido da sua própria maneira.”

Eles não sabem sobre o que estão falando e nem no que acreditam. A pessoa que tem a verdadeira fé pode expressá-la em termos claros. Os verdadeiros crentes podem claramente dizer a diferença entre um nascido de novo e aqueles que não nasceram de novo. Nós pregamos claramente o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito, mas os hereges estão no caos. A sua fé é como um morcego. Assim como um morcego prefere o interior de uma caverna durante o dia e o exterior do mundo apenas durante a noite, os hereges gostam dessa ou daquela teoria, acreditam nisso ou naquilo. Eles nunca sabem qual é a verdade. Quando um sacerdote herege for para o inferno, os seus seguidores o acompanharão para o amargo fim. Tantas pessoas acabam no inferno porque creram em falsos profetas.

O seu pastor é nascido de novo da água e do Espírito? Ele prega as palavras do evangelho do novo nascimento como estão escritas na Bíblia? Se ele faz isso, você é realmente afortunado, e se não faz, será prejudicado. Se você não é nascido de novo, deve ouvir o evangelho da água e do Espírito, ler livros que o explicam e finalmente nascer de novo.

Os hereges desprezam o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito. Eles pregam, “Jesus Cristo veio para tirar os nossos pecados e Ele fez exatamente isso. Ele ainda está lavando os nossos pecados hoje e continuará até o futuro.” Como isso pode ser verdade? Eles dizem que são justificados, mas continuam pecando. Eles são justos em um momento e pecadores em outro.

Esta é a falsa teologia. É uma falsidade. Todos que são justos agora e pecadores em seguida são hereges, falsos profetas. Todos que condenam a si mesmos e que se corrompem são hereges.



A maldição de Deus está sobre os seguidores dos hereges

Em que os hereges
colocam mais ênfase?
Nas obras.

Os hereges não são consistentes. Portanto, eles não podem levar os seus seguidores a nascerem de novo da água e do Espírito quando eles perguntam como podem nascer de novo. Pelo contrário, eles dão aos seus seguidores a ridícula idéia de que o homem pode nascer de novo da fantasia e que não pode perceber quando nasceu de novo. Isso é ridículo.

Jesus disse em João capítulo 3, “quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Deus.” Mas, atualmente, as pessoas justas que são nascidas de novo são chamadas de hereges.

Os sacerdotes hereges dizem que eles não podem se chamar justos porque são humildes. Eles dizem a seus seguidores, “Não freqüente nenhum culto de avivamento em que o pregador planeje falar sobre a benção do novo nascimento da água e do Espírito. Se você nascer de novo, se tornará um herege. Será denunciado por esta igreja. Se deseja continuar conosco, continue sendo pecador e Deus irá fazer você justo quando chegar a hora.” É o que eles dizem. O que eles realmente querem dizer é que está em suas mãos decidir nascer ou não de novo.

Os hereges falam para seus seguidores, “Você deve permanecer conosco, mas ser nascido de novo é sua responsabilidade. Então, você deve buscar isso por si próprio. Apenas permaneça como está agora e vá diante de Deus quando chegar a hora, então você irá descobrir a verdade. Eu não sei o que acontecerá após isso. Mas esta é uma igreja ortodoxa, por isso você precisa permanecer conosco.” Você acha que isso é verdade?

Estes sacerdotes hereges pegam um pouco disso e daquilo e inventam uma teoria. Então isso se torna a única verdade para eles. Não conhecem a palavra de Deus que nos fala sobre a água e do Espírito.

Os hereges interpretam a Bíblia segundo os seus próprios pensamentos. Nós temos que interpretá-la segundo suas palavras em si, mas eles interpretam da sua própria maneira. É por isso que existem tantas teologias e denominações no Cristianismo.

Porque existem muitas denominações e teologias heréticas, existe um incontável número de livros heréticos. Os pseudo-sacerdotes citam um pouco de um livro e um pouco de outro livro quando pregam, mas os verdadeiros sacerdotes pregam sobre a palavra de Deus.

Os hereges extorquem dinheiro de seus seguidores de muitas formas enganosas. Eles comem e vivem bem neste mundo e terminam no inferno porque falharam no novo nascimento. Este é o fim que Deus preparou para eles.

Deus persevera com eles no começo, mas aqueles que recusam firmemente aceitar a benção do novo nascimento da água e do Espírito, Ele irá enviá-los ao inferno.

Deus irá julgar os hereges. Eles crêem em Deus com fervor e consomem muitos volumes de comentários bíblicos e obras teológicas no início, mas então, aos poucos, eles começam a pregar sobre os preceitos do homem, para que os seus seguidores nunca sejam nascidos de novo.

Os hereges colocam mais ênfase em suas obras. Qualquer ministro que não prega o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito é um herege diante de Deus.

Eles influenciam os seus seguidores para um caminho sem saída, os coagem a freqüentar 40 dias de vigília, 100 dias de orações matinais, orações em montes, jejuns regulares, contribuições para a construção de templos, milhares de holocaustos, contribuições para cultos de avivamento… e até mesmo fazem um gráfico para mostrar com quanto cada crente contribuiu. Olhando para os frutos das suas obras, nós podemos ver que são hereges.

A maldição de Deus recai sobre os seus seguidores também. Os pastores que pregam sem serem nascidos de novo e seus seguidores estão sob a maldição de Deus.



Os hereges tentam ler as mentes de seus seguidores

Por que os hereges tentam ler
as mentes de seus seguidores?
Porque eles não são nascidos de novo, mas
ministram com hipocrisia e sem o Espírito
em seus corações.

Os sacerdotes hereges clamam todos os dias, pois têm que estar certos para agradar os diáconos e diaconisas, anciãos, diáconos ordinários e mesmo os leigos. É como eles se comportam todos os dias, como hipócritas. “Santo e Misericordioso....” Eles estão cheios de pecados, mas eles têm que dizer coisas santas, então se tornam cada vez mais hipócritas.

Um pregador disse certa vez, “É uma maldição pregar sem o Espírito em seu interior.” Isso significa que é heresia fazer a obra de Deus sem ser redimido; é uma vida amaldiçoada. Se você é um desses hereges, tem que nascer de novo da água e do Espírito.

Todos que crêem em Jesus, mas não são nascidos de novo, são hereges e devem retornar ao evangelho da água e do Espírito. Apenas os justos que são nascidos de novo da água e do Espírito podem pregar o evangelho para os outros.



Os hereges clamam somente por paz

Como os sacerdotes hereges
satisfazem seus seguidores?
Eles sempre clamam por paz, dizendo
a seus seguidores que podem entrar
no reino do céu apesar de
serem pecadores.

Isaías 28: 14-15 diz, “Ouvi, pois, a palavra do SENHOR, homens escarnecedores, que dominais este povo que está em Jerusalém. Porquanto dizeis: ‘Fizemos aliança com a morte e com o além fizemos acordo; quando passar o dilúvio do açoite, não chegará a nós, porque, por nosso refúgio, temos a mentira e debaixo da falsidade nos temos escondido.’”

Quem são os homens escarnecedores aqui? São aqueles que pregam a palavra de Deus misturando-a com as suas próprias crenças erradas. Seja qual forem os pensamentos dos pregadores, seja o que for que a teologia diz, eles devem oferecer uma interpretação verdadeira da Bíblia. Mas os sacerdotes hereges pregam a Bíblia da forma como eles a vêem. Estes são os homens escarnecedores.

“Fizemos aliança com a morte e com o além fizemos acordo; quando passar o dilúvio do açoite, não chegará a nós.”

Os hereges dizem que o acoite não irá passar por eles, falam para as pessoas não se preocuparem. Destruição e inferno estão aguardando por eles, mas eles dizem que não se preocupam, pois destruição e inferno não existem para eles. Portanto, você deve se afastar desses hereges se deseja viver eternamente.

Os hereges dizem que você não precisa nascer de novo da água e do Espírito. Isso é verdade? Não, claro que não. Você não pode entrar no reino do céu se não nascer de novo da água e do Espírito.

Está tudo bem não entrar no reino do céu? Isso é o mesmo que perguntar se está tudo bem queimar no inferno. Não é necessário dizer que a resposta para ambas as perguntas é não. Vamos crer no evangelho do novo nascimento da água e do Espírito e entrar no reino do céu juntos.

Os sacerdotes hereges seduzem as pessoas, dizendo que, em razão da sua crença em Jesus, está tudo bem para elas permanecerem pecadoras e que não irão para o inferno.

Jesus toma conta de você mesmo sendo um pecador? Um pecador pode ir para o céu? Você pode evitar o inferno apesar de ser um pecador? Está escrito na Bíblia que você não tem que ir para o inferno quando você crê em Jesus, apesar de ter pecado em seu coração?

Os hereges dizem que fizeram uma aliança com a morte, para que a morte não venha sobre eles, e que um crente pode evitar a condenação do inferno mesmo tendo pecado no coração. Você acha que isso realmente acontece dessa forma?

Os hereges inspiram as pessoas com confiança, dizendo que a morte e o inferno não os esperam. Os sacerdotes hereges escolhem aqueles que não são nascidos de novo como diáconos, anciãos, ministros, mas eles têm que saber que terminarão no inferno porque não crêem no evangelho da água e do Espírito. O que eles podem fazer é introduzir para os seus seguidores a crença no evangelho da água e do Espírito.

Os crentes, mesmo ainda tendo pecado, são capazes de entrar no céu? Um pecador pode ir para o céu? A Bíblia diz que um pecador pode ir para o céu? Não. Pode haver um homem justo com pecados? Não. Estes são os ensinamentos dos hereges e da pseudoteologia.

A Bíblia diz, “O salário do pecado é a morte” (Romanos 6:23). É a lei de Deus. Ele envia todos os pecadores para o inferno, mas todos aqueles que são nascidos de novo da água e do Espírito são bem vindos no céu.

“Quando passar o dilúvio do açoite, não chegará a nós, porque, por nosso refúgio, temos a mentira e debaixo da falsidade nos temos escondido.” Os sacerdotes hereges falam palavra de efeito e crêem firmemente que não irão para o inferno, apesar de terem pecados em seus corações. Porque eles estão se escondendo atrás de uma falsa teologia, Deus não pode fazer nada para ajudá-los. Eles só acreditam na sua teologia, por isso ao invés de crerem na palavra de Deus, eles são hereges e pecadores destinados ao inferno. Como é triste saber que existem muitos destes!



Os hereges estão interessados apenas em dinheiro

Qual é o alvo dos
sacerdotes hereges?
Extorquir tanto dinheiro quanto for
possível de seus seguidores.

Os hereges e pseudo-sacerdotes estão interessados apenas no dinheiro. Eles são gananciosos, “Quanto dinheiro este homem irá oferecer se entrar para minha igreja?” Pensam sobre o dízimo que ele irá pagar. Isso é o mesmo que adorar um bezerro de ouro. “Por favor, deixe-me tornar bem sucedido, permita-me ganhar muito dinheiro, Senhor.” Os falsos sacerdotes ensinam as pessoas a orarem dessa forma.

Eles dizem, “Se você crer em Jesus, ganhará muito dinheiro, você irá conceber quando é estéril e será bem sucedido no seu negócio.”

Muitas pessoas são enganadas por estes falsos sacerdotes, eles estão extorquindo o seu dinheiro, e elas continuam indo para o inferno em razão dos seus problemas. Como isso é injusto! Se alguém que estava participando de uma heresia retorna ao senso, irá ficar surpreso ao descobrir com quanto dinheiro ele contribuiu para seus enganadores, irá se reprovar por sua própria ignorância em seguir e trabalhar tão duro por eles.

Os hereges são especialmente fervorosos praticantes do que eles consideram uma religião legítima. Os seus seguidores se dedicam a orações matinais, orações nos montes, contribuições especiais, dízimo, ofertas semanais. Existem muitas razões para tirar dinheiro de seus seguidores.

Os seus seguidores trabalham muito duro, mas ainda têm pecado em seus corações, porque ninguém ensinou a eles o evangelho da água e do Espírito. Alguns perguntam sobre isso, mas nunca conseguem uma resposta. Qualquer um que não é nascido de novo da água e do Espírito é um herege.



Pobres hereges e seus seguidores

Quem são os homens mais
coitados do mundo?
Aqueles que ministram sem serem nascidos
de novo da água e do Espírito.

“Oh, vocês, pobres, hereges! Vocês trabalham primeiramente na sua redenção!” O sinal dominante da pseudofé é adorar os bezerros de ouro de Jeroboão. A primeira coisa que os hereges faziam no Antigo Testamento era construir um templo e preenchê-lo com bezerros de ouro (I Reis 12:25-33).

Atualmente, eles constroem grandes igrejas e tiram dinheiro de seus seguidores, falando para pegarem empréstimos no banco para as construções. Eles trabalham as emoções da congregação e depois passam as sacolas de coleta. Dinheiro, moedas, relógios de ouro, enchem rapidamente a sacola. Os hereges agem dessa forma e ocorre o mesmo em cada uma das suas igrejas.

Exteriormente eles parecem estar interessados em coisas espirituais, mas na realidade eles estão interessados apenas em dinheiro. Eu aconselho você a permanecer afastado das igrejas que só se importam com dinheiro. Por favor, não vá a igrejas onde apenas os ricos são tratados cordialmente. É errado anunciar o total de cada oferta da congregação, porque fazem isso na esperança de atrair mais dinheiro.

Os hereges dizem palavras enganosas para os seus seguidores:

“Vocês serão abençoados se crerem em Jesus.”

“Dedique-se à obra de Deus. Quanto mais você se dedicar, mais abençoado será.”

“Se você trabalhar como ancião, será abençoado materialmente.”

Então os seus seguidores lutam entre si para se tornarem anciãos. Se não houvesse nenhuma compensação, quem gostaria de servir como ancião? E se espera que os anciãos contribuam financeiramente também.

Eles são eleitos baseados no quanto crêem na doutrina da denominação, no quão proeminente eles são na sociedade e em quanto dinheiro podem contribuir na igreja. Isso é verdade!

Os hereges só se importam com dinheiro, estão interessados em construir grandes igrejas. E não se importam se seus seguidores vão para o inferno, contanto que eles ofereçam muito dinheiro.

Os hereges são aqueles que trabalham por pão, capturam seus seguidores com temas interessantes e divulgam esses temas para seus seguidores aleatoriamente (Ezequiel 13:17-19). Isto significa amarrá-los à igreja e aumentar a sua riqueza. Os hereges não pregam o evangelho da água e do Espírito, apenas tentam tornar-se ricos.

Mesmo alguém que tenha freqüentado uma igreja por alguns meses pode se tornar um diácono. Além disso, se ele está bem familiarizado com a doutrina e tem um suporte financeiro bom, ele é promovido a ancião. Tudo isso está na vergonhosa tradição do pecado de Jeroboão, que trocou Deus por um bezerro de ouro.

Os hereges adoram os bezerros de ouro. Eles não fazem seus seguidores nascerem de novo, só tomam dinheiro deles enganando-os com promessas de bênçãos celestiais. Não se importam se os seus seguidores estão condenados ao inferno, contanto que a sua igreja esteja com boas condições financeiras.



Falta convicção aos hereges em suas pregações

Os hereges gostam de dizer “provavelmente” ou “talvez”, porque falta a eles convicção sobre o que estão falando. Eles não têm fé na palavra de Deus e não crêem realmente no que estão pregando. A sua crença não está assentada na fé na palavra de Deus. Eles dizem, “Pode ser dito que...”, mas nunca falam claramente e com convicção. Seria melhor que eles não ensinassem os seus seguidores do que ensinarem mentiras. Pois eles não podem levar as pessoas a nascerem de novo da água e do Espírito, assim só condenam ainda mais pessoas ao inferno.



Os hereges desempenham o papel de falsos profetas

O que é a blasfêmia contra
o Espírito Santo?
É crer em Jesus e viver como um pecador
que não crê em Seu batismo.

Mateus capítulo 7 nos fala sobre aqueles que crêem em Jesus e acabam no inferno. Os hereges irão protestar perante Deus nos últimos dias, como está escrito na Bíblia, “Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniqüidade” (Mateus 7:22-23).

Eles não crêem que Jesus lavou todos os pecados do homem; não crêem no evangelho da água e do Espírito.

Eles praticam a iniqüidade. O que isso significa? Significa que falam para as pessoas crerem em Jesus, mas ainda possuem pecados em seus corações. Você pode pensar o que há de tão errado nisso, mas isso é um sério pecado contra Deus.

Quando um pecador prega para outras pessoas a necessidade de crer em Jesus, ele não pode levá-las ao novo nascimento, porque ele mesmo não nasceu de novo da água e do Espírito. Portanto, os hereges só produzem pecadores que crêem em Jesus. É um pecado contra o Espírito praticar a iniqüidade.

Os hereges não crêem na palavra de Deus e nem pregam o evangelho como está escrito, apenas tiram dinheiro de seus seguidores. Eles são pecadores apesar de crerem em Jesus e tentam guiar outros quando eles mesmos não são nascidos de novo. Dessa forma, praticam iniqüidade.



Os hereges são imitações dos justos

Como nós distinguimos
aqueles que nasceram de novo
daqueles que não nasceram?
Nós podemos distinguir testando
se eles têm ou não pecado.

Não seja enganado por aqueles falsos pregadores que dizem que são pecadores, não ofereça a eles o seu dinheiro. Não dê a esses pecadores o seu dinheiro ganho com tanto trabalho.

Por que você daria dinheiro para aqueles pregadores que não podem te ajudar com seus pecados? Se você quer dar o seu dinheiro para a igreja, espere pelo menos até que seus pecados sejam destruídos através do evangelho da água e do Espírito.

Assim como existem imitações na arte, também existem imitações na vida. Existem, por exemplo, religiões imitativas que não podem lavar todos os pecados do coração. Como você identifica este tipo de religião? Uma imitação é algo que parece genuíno por fora, mas de fato está longe da coisa real.

Você tem que decidir por si mesmo. Quem são os verdadeiros pregadores? Quem são os hereges? Os ortodoxos crêem em Jesus e no Seu poder redentor e não possuem pecados em seus corações. Mas os hereges têm pecados em seus corações.

Então, todas as pessoas são como os hereges? Pode ser. Mas vamos voltar para a Bíblia. Qualquer um que crê em Jesus, mas não é nascido de novo, é um herege. Está claro que os nascidos de novo são os ortodoxos. Portanto, aqueles que não são nascidos de novo são hereges. Os hereges são aqueles que crêem em Jesus, mas ainda têm pecado em seus corações.

Os hereges são imitações dos justos. Eles podem saber que o caminho para se tornar santificado é crer em Jesus, mas infelizmente continuam com pecados em seus corações. Eles mesmos acreditam que são pecadores, mas dizem que ainda podem ir para o céu e que adoram a Deus. Parece muito que eles são justos, mas não vamos nos deixar enganar por imitações.



O julgamento de Deus aguarda os hereges

Por que o puro evangelho
foi mudado?
Porque os falsos sacerdotes e hereges
misturaram as crenças falsas dos homens
com o puro evangelho.

“Portanto, diz o Senhor, o SENHOR dos Exércitos, o Poderoso de Israel: Ah! Tomarei satisfações aos meus adversários e vingar-me-ei dos meus inimigos. Voltarei contra ti a minha mão, purificar-te-ei como com potassa das tuas escórias e tirarei de ti todo metal impuro. Restituir-te-ei os teus juízes, como eram antigamente, os teus conselheiros, como no princípio; depois, te chamarão cidade de justiça, cidade fiel. Sião será redimida pelo direito, e os que se arrependem, pela justiça. Mas os transgressores e os pecadores serão juntamente destruídos; e os que deixarem o SENHOR perecerão. Porque vos envergonhareis dos carvalhos que cobiçastes e sereis confundidos por causa dos jardins que escolhestes. Porque sereis como o carvalho, cujas folhas murcham, e como a floresta que não tem água. O forte se tornará em estopa, e a sua obra, em faísca; ambos arderão juntamente, e não haverá quem os apague” (Isaías 1:24-31).

Deus nos fala que se acreditarmos no homem, nós seremos envergonhados por causa dele. Ele nos diz que seremos envergonhados em razão da igreja que escolhemos para nós e esta vergonha será como uma árvore cujas folhas murcham e como uma floresta que não tem água.

Ele nos diz que os falsos sacerdotes e os seguidores que crêem em seus preceitos humanos, no lugar da palavra de Deus, tornar-se-ão estopa e as suas obras como faísca. Ambos queimarão no inferno. Os falsos pregadores e hereges que não foram redimidos, bem como os pecadores e inimigos da justiça serão julgados com a chama de Deus.

As igrejas construídas apenas sobre teologias podem parecer grandes por fora, mas não têm nada por dentro. Qualquer igreja que não é fundada sobre a crença na palavra de Deus e no evangelho do novo nascimento da água e do Espírito é como um jardim que não tem água.

Pode ser uma árvore, mas é uma árvore morta, incapaz de frutificar. Quando um poço não tem água, ele não é mais um poço.

“O forte se tornará em estopa, e a sua obra, em faísca; ambos arderão juntamente, e não haverá quem os apague.” Aqueles que não têm o Espírito podem parecer fortes a outros homens, mas aos olhos de Deus, eles são como estopa, prestes a arder no fogo do inferno.

O Senhor pergunta, “Guarda, a que hora estamos da noite?” (Isaías 21:11). Os justos que têm a vida eterna deveriam pregar o evangelho da água e do Espírito na escuridão da noite.

Deus é luz e Satanás escuridão. Deus guia seu povo para a justiça e Satanás para falsos templos, com caos e falsa teologia.

No tempo do profeta Isaías, a fé do povo era tão caótica quanto a de hoje. Eles misturavam a palavra de Deus com teologia e preceitos humanos, enganavam tanto o povo de Israel com os caóticos produtos humanos que Deus decidiu se livrar de todos eles.

“Voltarei contra ti a minha mão, purificar-te-ei como com potassa das tuas escórias e tirarei de ti todo metal impuro. Restituir-te-ei os teus juízes, como eram antigamente, os teus conselheiros, como no princípio.” As ofertas que nunca serão aceitas por Deus são como metal impuro, uma mistura da verdade de Deus com teorias humanas.

Deus nunca aceita ofertas que estão misturadas. Elas podem parecer puras diante dos olhos humanos, mas se são misturadas com crenças erradas de homens, estão misturadas com impurezas e, portanto, não são aceitáveis a Deus.

Deus reprovou o povo de Israel, especialmente os hereges, falsos pregadores e pecadores.

Se nós lermos Êxodo e Números, nós poderemos ver que Deus não os reprovou no princípio. Ele ajudou o povo de Israel e derramou bênçãos sobre eles. Mas após a morte de Josué, dos juízes, o povo de Israel foi invadido.

Contudo, eles escolheram seguir o seu próprio caminho. Naquele tempo, Deus enviou o profeta Jeremias e falou para Israel se render à Babilônia.

Jeremias falou para o povo e sua palavra tinha um significado espiritual, simbolizando o fato de que os justos falam para aqueles que seguem os hereges a se renderem ao evangelho da água e do Espírito.



Deus reprova os hereges

Por que Deus reprova
os hereges?
Porque eles servem a ídolos
em vez de Deus.

Por que os servos de Deus reprovaram o povo de Israel? Porque eles mudaram o sistema sacrifical, escolhendo pessoas comuns como sacerdotes e mudando as datas dos sacrifícios.

Eles mudaram o Dia da Expiação do décimo dia do sétimo mês para o quinto dia do oitavo mês e escolheram sacerdotes que não faziam parte dos Levitas. Eles, portanto, bloquearam o caminho para o novo nascimento.

Deus repreendeu os falsos pregadores. Aqueles que serviam aos bezerros de ouro em vez de Deus tornaram-se sacerdotes hereges.

De fato, Deus não os repreendeu apenas por adorarem ídolos. Eu e você também não adoramos ídolos às vezes? Nós pecamos com muita freqüência, mas as nossas iniqüidades não são consideradas pecados graves, pois estamos sob a graça de Deus. Mas trocar Deus por bezerros de ouro não pode ser perdoado, e o mesmo vale para trocar o sistema sacrifical e a escolha de pessoas comuns para o sacerdócio.

Que pecados terríveis são esses! São os mais graves. Como uma pessoa pode ser perdoada por trocar Deus por bezerros de ouro! Está escrito na Bíblia que foi o pecado de Jeroboão que trouxe a ira de Deus.

Assim como Deus mostrou a Sua ira no Antigo Testamento, agora destrói os pecadores que estão contra Ele. Deus disse a Israel que amaldiçoaria aqueles que não desistissem de adorar os bezerros de ouro.



Os hereges oferecem sacrifícios iníquos

O que nós devemos fazer
antes de servirmos a Deus?
Temos que ter todos os nossos
pecados lavados.

Os reis e sacerdotes hereges de Israel estavam contra Deus e estavam selecionando aqueles que desprezavam o sistema sacrifical para o sacerdócio. Jeroboão, o rei com uma mente corrompida, ordenou pessoas que não eram da casa de Levi como sacerdotes.

Apenas aqueles que eram da casa de Levi podiam ser sacerdotes e trabalhar no tabernáculo. Mais precisamente, os sacerdotes tinham que ser da casa de Arão. Esta era a eterna lei de Deus, mas Jeroboão ordenou sacerdotes de fora da casa de Levi e permitiu que eles oferecessem sacrifícios para os bezerros de ouro. Nós devemos saber como isso trouxe a ira de Deus.

Ainda hoje, aqueles que não são nascidos de novo podem se tornar ministros, anciãos e diáconos na igreja. Isto vai contra a lei de Deus e traz a Sua ira. Deus está satisfeito com sacrifícios iníquos? Os hereges devem destruir os seus bezerros de ouro, voltar para Deus e nascer de novo.

Isaías 1:10-17 diz, “Ouvi a palavra do SENHOR, vós, príncipes de Sodoma; prestai ouvidos à lei do nosso Deus, vós, povo de Gomorra. De que me serve a mim a multidão de vossos sacrifícios? — diz o SENHOR. Estou farto dos holocaustos de carneiros e da gordura de animais cevados e não me agrado do sangue de novilhos, nem de cordeiros, nem de bodes. Quando vindes para comparecer perante mim, quem vos requereu o só pisardes os meus átrios? Não continueis a trazer ofertas vãs; o incenso é para mim abominação, e também as Festas da Lua Nova, os sábados, e a convocação das congregações; não posso suportar iniqüidade associada ao ajuntamento solene. As vossas Festas da Lua Nova e as vossas solenidades, a minha alma as aborrece; já me são pesadas; estou cansado de as sofrer. Pelo que, quando estendeis as mãos, escondo de vós os olhos; sim, quando multiplicais as vossas orações, não as ouço, porque as vossas mãos estão cheias de sangue. Lavai-vos, purificai-vos, tirai a maldade de vossos atos de diante dos meus olhos; cessai de fazer o mal. Aprendei a fazer o bem; atendei à justiça, repreendei ao opressor; defendei o direito do órfão, pleiteai a causa das viúvas.”

Se lermos esta passagem cuidadosamente, poderemos ver que os líderes religiosos de Israel eram muito devotos, mas, apesar da sua devoção, eles estavam destruídos porque ofereceram os sacrifícios errados e desobedeceram a lei de Deus.

Nós podemos ver que eles não seguiram a lei quando ofereceram os sacrifícios e nem observaram a palavra de Deus. Estes líderes eram tão devotos que trouxeram incontáveis ofertas diante de Deus. A Bíblia diz que o sangue fluiu como um rio de dentro do Tabernáculo.

Mas quando viu o que eles fizeram, Deus disse que era como o pecado de Gomorra. Viu que eles estavam oferecendo sacrifícios perante Ele, mas na verdade, estavam pecando. Ele disse que era melhor que não trouxessem oferta alguma, pois não as queria.

Como ofereceram os sacrifícios perante bezerros de ouro, Deus não podia perdoá-los. Ele não poderia mais suportar isso e falou que deveriam oferecer sacrifício segundo o modo que Ele havia ordenado. Senão, seria melhor para eles que não oferecessem sacrifício algum.

O seu sacrifício não foi oferecido a Deus da forma correta e, como resultado, os sacerdotes pecaram contra Ele. Você deve saber que servir a Deus e fazer a Sua obra sem lavar os seus pecados é um grave pecado diante Dele.



Os hereges são como professores de escola

O que os hereges ensinam?
Eles ensinam ética, e não como
ser nascido de novo.

Os hereges aparentam ser santos. Quando ocupam o púlpito, parecem tão impressionantes que muitos são enganados por sua aparência. Eles soam tão lógicos e sempre concluem os seus sermões admoestando as pessoas a serem boas. Que tipo de sermão é esse? Qual é a diferença entre esses sermões e as lições dos professores de escola?

A igreja de Deus é o lugar onde os nascidos de novo se reúnem para adorá-Lo. Apenas as igrejas desse tipo são verdadeiras e não tentam ensinar como se comportar diante de Deus. O pregador da verdadeira igreja prega o evangelho da água e do Espírito. Não importa o quão instável você seja, Deus lavou todos os seus pecados.

Os pregadores hereges falam para seus seguidores, “Faça isso e faça aquilo”, colocando cargas pesadas sobre eles, mas eles mesmos não querem mover um dedo para fazer a obra.

Um pregador herege compra para seu filho um caro violino e o manda para estudar no exterior. Como um sacerdote consegue pagar isso? Onde consegue esse dinheiro? Se ele tem esse dinheiro, não deveria gastá-lo para pregar o evangelho? Um pregador deve dirigir um carro caro? Nós devemos dirigir um carro de luxo para sermos dignos? Um pregador que dirige um carro caro é um ladrão. Quando os seus seguidores não podem sequer ter um carro compacto, como pode ser justo para ele ter um modelo de luxo. Nós podemos identificar um pregador herege apenas olhando para as suas obras.

Os pregadores hereges pedem grandes somas de dinheiro. Algumas igrejas pagam aos seus pregadores cerca de US$ 10,000 por mês e esse é apenas o pagamento oficial. Eles ainda ganham as verbas para educação, para livros, cuidados com os filhos, verbas para visitação, apenas para citar algumas delas. E, ainda, alguns deles reclamam que não recebem o suficiente. Ganham US$ 10,000 por mês e pedem mais dinheiro. Será que US$ 10,000 é pouco dinheiro? Um pregador deveria ficar feliz em ganhar só o suficiente para se sustentar enquanto prega o evangelho da água e do Espírito.

Um verdadeiro pregador recebe consolo e paz de Deus, mas um pregador herege, que não tem paz, pede compensação monetária. Tais pregadores estão na verdade adorando bezerros de ouro.

A igreja de Deus é chamada algumas vezes de Sião. Não há igreja tão bela quanto Sião. A igreja de Deus é o lugar onde o evangelho da água e do Espírito é pregado.

Isaías 1:21 diz, “Como se fez prostituta a cidade fiel! Ela, que estava cheia de justiça! Nela, habitava a retidão, mas, agora, homicidas.” Isaías descreve a igreja de Deus, dizendo, “Ela estava cheia de justiça.”

Deus é justo e reto. Porque nós somos incompletos, descendentes de Adão e nascemos para pecar, Jesus veio a este mundo para lavar os nossos pecados com a água e o Espírito. Isso demonstra como Ele é justo.

No Antigo Testamento, quando as pessoas sabiam que eram insuficientes, elas vinham até Deus e ofereciam sacrifícios. “Eu errei de tal forma. Foi um erro.” Então eram perdoadas pelos pecados diários e também podiam obter o perdão dos seus pecados anuais, no Dia da Expiação.

Da mesma forma, no Novo Testamento, Jesus Cristo veio a este mundo e foi batizado e crucificado para lavar os pecados da humanidade de uma vez por todas.

Mas no culto de Ano Novo muitas pessoas choram e se arrependem, “Querido Deus, por favor, perdoe os pecados que eu cometi no ano passado. E, por favor, me abençoe no novo ano.” Estas pessoas são hereges.

Então, qual é a verdade sobre o novo nascimento da água e do Espírito? Jesus veio a este mundo há 2000 anos, lavou os pecados da humanidade de uma vez por todas e, portanto, nos salvou do pecado para sempre. Ele nos salvou de todos os pecados do mundo com a água e o sangue. Mas, se nós pedirmos perdão todos os dias, o que Ele dirá?

“Como se fez prostituta a cidade fiel! Ela, que estava cheia de justiça! Nela, habitava a retidão, mas, agora, homicidas.” Todos que dizem ser pecadores são hereges.



Os sacerdotes hereges não podem pregar o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito

Deus ouve as orações
dos pecadores?
Não. Ele não as ouve porque seus
pecados os separam
de Deus.

Nosso Deus chama de homicidas aqueles que crêem Nele, mas ainda pedem perdão. Como pedem perdão e também dizem que são pecadores, eles esperam que Jesus venha e morra pelos seus pecados uma segunda vez? O batismo e a Cruz de Jesus são a realidade da salvação.

Em I Pedro 3:21 está escrito que o batismo de Jesus é o tipo da nossa salvação. Jesus Cristo morreu uma vez para salvar a humanidade do pecado. E assim, lavou os pecados da humanidade de uma vez por todas e ressuscitou três dias depois. Agora, Ele está assentado à direita de Deus.

Jesus Cristo foi batizado uma vez e morreu uma vez na Cruz para nos salvar dos pecados para sempre. Ele foi batizado por João Batista quando tinha 30 anos e morreu para nos salvar de todos os pecados do mundo. Isso não significa que o julgamento foi dado de uma vez por todas?

Se os hereges dizem que ainda são pecadores, estão pedindo a Deus que venha uma segunda vez e seja novamente crucificado. De fato, Ele teria que continuar fazendo isso todas as vezes que clamassem por perdão.

Aqueles que crêem no evangelho da água e do Espírito em seus corações são salvos do pecado eternamente, tornam-se justos e vão para o céu receber as bênçãos de Deus e a vida eterna. Qualquer um que encontrar a justiça pode ser salvo através da água e do Espírito e se tornar um dos abençoados do povo de Deus. Todos que pedirem a justa salvação diante de Deus serão abençoados.

Vamos ler Isaías 1:18-20. “Vinde, pois, e arrazoemos, diz o SENHOR; ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a lã. Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o melhor desta terra. Mas, se recusardes e fordes rebeldes, sereis devorados à espada; porque a boca do SENHOR o disse.”

Deus está nos falando que se formos obedientes ao evangelho da água e do Espírito, comeremos do melhor desta terra, mas se nos recusarmos e formos rebeldes, seremos devorados pela espada.

Nosso Deus disse, “Vinde, pois, e arrazoemos. Vamos conversar. Você é insuficiente? Você é injusto? Você se ama demais? Você pode viver segundo os mandamentos? Você pode fazer o que a lei diz? Você conhece, mas não pratica? Então, venha até mim. Apesar de seus pecados serem como escarlate, eles serão tão brancos como a neve; apesar de serem vermelhos como o carmesim, eles serão como lã.” Isso significa que Deus salvou os pecadores e os tornou justos.

Não havia pecado quando Deus criou Adão e Eva, mas Satanás logo entrou em cena. Ele os tentou a desobedecer a Deus e fez de toda a humanidade pecadora através do pecado deles. Satanás causou a queda do homem. No princípio, Adão e Eva não tinham pecado diante de Deus, viviam com Deus no Jardim do Éden. Mas se tornaram pecadores e agora Deus está nos chamando. Vinde, pois, e arrazoemos. Vamos arrazoar juntos!

“Quantos pecados você já cometeu nesse mundo? E quantos pecados você irá cometer antes de morrer?”

“Oh, Deus. É impossível não pecar. Nós não podemos nos tornar santificados, não importa o quanto tentemos.”

“Bem, então quantos pecados você cometeu até agora?”

“Bem, Senhor, eu não consigo lembrar de todos, mas existem alguns que estão na minha mente. Você lembra aquela vez? Você sabe do que eu estou falando… e existe aquela outra vez, o Senhor sabe…”

Então Deus diz, “Então continue e me conte. Você acha que isso é tudo? Você sabe quantos existem além desses? Mas todos os pecados que você se lembra, todos os pecados que você se esqueceu e mesmo todos os pecados que você irá cometer no futuro, eu lavei todos eles para sempre. E não só os seus, mas dos seus filhos e dos filhos deles, até o pecado de todos os seus descendentes. Eu sou o Deus justo. Eu lavei todos os seus pecados de uma vez por todas.”

Deus, que lavou todos os pecados da humanidade desde o pecado de Adão até os pecados do último homem na terra, é o Alfa e o Ômega, o Princípio e o Fim.

“Eu sou o Salvador e o Deus Todo-Poderoso.”

“Eu sou Jeová, o Deus Misericordioso.”

“Eu terei misericórdia daqueles que merecem misericórdia e terei compaixão daqueles que merecem compaixão.”

Se pedirmos por Sua misericórdia e formos francos com Ele, podemos ter a compaixão de Deus. Nosso Pai quer abençoar a todos nós. Ele quer que todos nós sejamos justos. Em Seu amor e compaixão, Ele quer nos fazer Seus filhos justos.


O que Deus quer de nós após
nascermos de novo?
Ele quer que nós preguemos o
Evangelho por todo
o mundo.

Ele quer que nós sejamos tão brancos como a neve. Jesus lavou os pecados da humanidade de uma vez por todas através do Seu batismo e Seu sangue. Se uma igreja não pode resolver os problemas do pecado e vida para todos os crentes, ela não pode ser considerada uma verdadeira igreja de Deus.

As pessoas vêm até os sacerdotes e perguntam, “Eu tenho pecado. O que devo fazer? Eu me arrependi e tenho me arrependido por tantas vezes, mas meus pecados não vão embora. Eu não posso mais continuar com a minha vida religiosa.” Se um sacerdote não pode dar a resposta certa para os seus problemas, ele é um herege. Ele pode dizer, “Depende de você. Vá orar nos montes. Tente um jejum de 40 dias.”

Os sacerdotes e líderes religiosos são tão cheios de impurezas que nem mesmo conhecem o evangelho da água e do Espírito. Eles não sabem se suas almas vão terminar no céu ou no inferno.

Aqueles líderes não estão corretos diante de Deus, eles são falsos e hereges. Parecem crer em Jesus exteriormente, mas os seus corações ainda estão cheios de pecado. Eles não foram lavados dos seus pecados, por isso não podem pregar o evangelho da água e do Espírito, que nos lava de todos os pecados. Não vamos nos deixar enganar por eles.

Tito 3:10-11 diz aos hereges, “Evita o homem faccioso, depois de admoestá-lo primeira e segunda vez, pois sabes que tal pessoa está pervertida, e vive pecando, e por si mesma está condenada.” Porque crêem em Jesus, mas não são nascidos de novo, eles se condenam como pecadores. Eles ignoram e destroem o evangelho da água e do Espírito, dizendo que são pecadores e não podem evitar o inferno.

Quer saber mais sobre o evangelho da água e do Espírito? Por favor clique no banner abaixo para ter seu livro grátis sobre o evangelho da água e do Espírito.
To be born again

Eles são hereges no Cristianismo. Quem crê em Jesus, mas tem pecado é um herege. Os hereges diferem de Deus. Deus é santo, mas eles não são. Aqueles que crêem no evangelho da água e do Espírito são limpos de todos os seus pecados. Então, quem crê em Jesus, mas tem pecado é herege. Nós temos que permanecer afastados daqueles que dizem que crêem em Deus, mas ainda são pecadores.

Vamos pregar o evangelho para aqueles que não ouviram ainda e para aqueles que querem crer, mas não podem, porque não o conhecem. Vamos ajudá-los a nascer de novo. Vamos repelir aqueles que permanecem no caminho do evangelho da água e do Espírito.

Nós devemos pregar o evangelho do novo nascimento da água e do Espírito por todo o mundo. Amém!

Voltar para a Lista

 


Versão para impressão   |  

 
Bible studies
    Sermões
    A declaração de fé
    O que é o evangelho?
    Termos Bíblicos
    FAQ para a Fé Cristã

   
Copyright © 2001 - 2017 The New Life Mission. ALL RIGHTS reserved.